ANO: 25 | Nº: 6397
17/08/2019 Fogo cruzado

Luís Diego Soares anuncia filiação ao PSD

Foto: Divulgação

Torbes, deputado estadual Gaúcho da Geral, deputado federal Danrlei e Soares, durante reunião do partido
Torbes, deputado estadual Gaúcho da Geral, deputado federal Danrlei e Soares, durante reunião do partido
O secretário municipal de segurança e mobilidade de Bagé, Luís Diego Soares, filiou-se ao Partido Social Democrático (PSD). Ele deixou o Partido Socialista Brasileiro (PSB), no começo de agosto, e estava sem partido desde então.
"Após algumas conversas com o deputado Danrlei e integrantes da minha base política, optei por ingressar no PSD, que é o quarto maior partido da Câmara dos Deputados, está passando por uma reformulação no Estado e abrindo espaço para novas lideranças", falou.
Na mesma oportunidade, Soares assumiu a presidência da comissão provisória do partido, em reunião que contou com integrantes da executiva estadual. "Tomei conhecimento que o partido estava  com uma série de irregularidades em virtude da inoperância de outras provisórias. Mesmo assim, resolvi aceitar o desafio para fazer o PSD crescer", comentou.
Para o representante da Direção Estadual do PSD, Charles Moraes, a filiação de Luís Diego é considerada o início de uma nova fase para a sigla. "O PSD estava abandonado em Bagé, que é uma cidade muito importante no cenário politico do Estado. Com a entrada do Luís Diego, iniciamos uma nova fase, passamos a integrar o primeiro escalão do governo do prefeito Divaldo Lara, que está trazendo grandes conquistas para Bagé, inclusive com emendas parlamentares do deputado Danrlei", disse.
A nova direção provisória do PSD tem Luís Diego Soares, como presidente, Diego Torbes; como vice-presidente, Viviane Conde Fernandes; como secretária geral; Antônio Adauto de Oliveira, como primeiro tesoureiro, e Renato Machado, segundo tesoureiro. Ana Corina Soares de Oliveira, Mariana Machado e Valdecir Amorim são vogais.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...