ANO: 26 | Nº: 6528
23/08/2019 Cidade

Veterinários se mobilizam contra possível fechamento de secretaria do CRMV de Bagé

Foto: Tiago Rolim de Moura

Fim das atividades da unidade ainda não é tratada de forma oficial
Fim das atividades da unidade ainda não é tratada de forma oficial

A Sociedade Bajeense de veterinária (Sobave) elaborou um documento, que será encaminhado ao Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Sul (CRMV), pedindo esclarecimentos e justificativa sobre o possível fechamento da Secretaria Regional do órgão, situada em Bagé.
De acordo com a presidente da Sobave, Thaís Brasil, a unidade consiste em uma entidade independente do CRMV. Ela salienta que a sede da secretaria era em Santana do Livramento, mas, devido à demanda do município, formadora de novos profissionais de Veterinária e Zootecnia, muitas associações de raça, lojas agropecuárias e os profissionais passaram a buscar a abertura da secretaria. “Inclusive as carteiras para profissionais recém-formados são feitas no local”, relata.
Segundo Thaís, a informação do fechamento não é oficial, visto que o Conselho não emitiu nota de comunicação. Ela salienta que o possível fechamento foi informado através de e-mail para a secretaria regional, com essa orientação. “O tema mobilizou os profissionais. Já enviamos carta pedindo informações questionando e argumentando o quanto a secretaria é necessária para que continue funcionando em Bagé”, ressalta.
Thaís pede apoio para que os profissionais do setor apoiem a causa já que, segundo ela, todos dependem da secretaria. “Quanto mais colegas fizerem a reivindicação mais força irá ganhar o pedido de manutenção”, reiterou.
A unidade, inaugurada em 15 de outubro de 2018, oferece atendimento a estudantes e empresários do setor e funciona na avenida Marechal Floriano, nº 1.501, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A secretaria regional viabiliza inscrições de novos médicos veterinários, assim como de empresários com atividades relacionadas, como consultórios, petshops e outras derivações.
 Através da assessoria de imprensa o CRMV/RS salientou que o trâmite é administrativo e, no momento, devido a eventos mais urgentes, não iriam se manifestar sobre o tema. "No momento oportuno, vamos fazer os esclarecimentos cabíveis", informou a nota.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...