ANO: 25 | Nº: 6432
17/09/2019 Fogo cruzado

Cinco projetos ficam em vista nas sessões extraordinárias

Projetos considerados estratégicos para o governo municipal permaneceram nas comissões técnicas, atendendo pedidos de vista, ontem, durante as sessões extraordinárias realizadas pelo Legislativo bajeense. Até o fechamento desta edição, oito propostas poderiam tramitar em plenário.
A matéria que revoga uma legislação em vigor desde 2017, excluindo da obrigação de pagamento, no estacionamento da denominada Zona Azul, os veículos utilizados por pessoas portadoras de deficiência e os carros conduzidos por pessoas idosas a partir de 60 anos de idade (pelo prazo de duas horas), também ficou em vista e segue em análise na Câmara.
Parlamentares ficaram em vista, ainda, com uma proposta de alteração da faixa salarial do cargo de coordenador de Turismo, que pode passar de CC5 para CC8. Permanecem nas comissões, ainda, duas proposições relacionadas ao Departamento de Água, Arroios e Esgoto de Bagé (Daeb). A primeira cria o Núcleo de Fabricação de Bueiros e Artefatos de Cimento e do Núcleo de Dívida Ativa no Setor de Dívida Ativa, estabelecendo novos cargos, a exemplo do chefe do núcleo de fabricação de bueiros e artefatos de cimento; a segunda busca autorização para contratar, emergencialmente, seis serviços gerais.
Ficou em vista, também, uma redação assinada por integrantes da mesa diretora da Câmara, que altera o nível do cargo de Coordenador de Comunicação, de CC1 para CC3. Os pedidos de vista estão previstos pelo regimento. Eles têm prazos definido para apreciação de vereadores, que podem apresentar alterações ou, ainda, solicitar informações ao autor da matéria.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...