ANO: 26 | Nº: 9492
01/10/2019 Fogo cruzado

Sancionada Lei da Liberdade Econômica de Bagé

Foto: Paulo Batista/EspecialJM

Legislação promete desburocratizar atuação de empresas e empreendedores locais
Legislação promete desburocratizar atuação de empresas e empreendedores locais
O prefeito de Bagé, Manoel Machado, sancionou, nesta terça-feira, a Lei Municipal da Liberdade Econômica. O texto havia sido sido aprovado pelo Legislativo. A intenção da medida é acompanhar a legislação nacional, conforme Lei nº 13.874, que tem como objetivo principal desburocratizar as etapas e simplificar os processos para empresas e empreendedores, trazendo mais segurança para quem pretende investir na cidade.
Com a presença do secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência Tecnologia e Inovação, Bayard Paschoa Pereira, do presidente da Associação Comercial e Industrial de Bagé (Aciba), Pedro Obino, do presidente da Associação dos Jovens Empresários (Aje), Daniel Nalério, e da representante do Conselho Bajeense da Mulher Empresária (Cobame), Suelen Delabari, o chefe do Executivo destacou a importância de Bagé implantar a Lei. "Temos registrado um grande crescimento no número de empresas vindo para a cidade e adotamos várias medidas para atrairmos cada vez mais. Ao implementarmos a Lei, damos mais um passo para o crescimento de empregos e, consequentemente, colaboramos para resultados mais positivos na economia da cidade", argumentou.
Por sua vez, Bayard frisou que o município ganhou, recentemente, a Casa do Empreendedor e duas coworking públicas. "Com a Lei, consolidamos um momento novo para o empreendedorismo local e regional, facilitando e desburocratizando a realização de negócios com impactos diretos na geração de empregos", mencionou.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...