ANO: 25 | Nº: 6382
10/10/2019 Campo e Negócios

Valorização de animais de ponta marca leilão Guatambu, Alvorada e Caty

Foto: Rodrigo Alves Vieira/EspecialJM

Destaque do remate realizado em Dom Pedrito ficou por conta de touro Braford de composição 100% Nelore
Destaque do remate realizado em Dom Pedrito ficou por conta de touro Braford de composição 100% Nelore
Realizado nesta quinta-feira, 10 de outubro, na sede da Estância Guatambu, em Dom Pedrito, o leilão Guatambu, Alvorada e Caty, que chegou a sua 47ª edição. Em um recinto lotado, os compradores e convidados do remate acompanharam a venda dos lotes das raças Hereford e Braford dos três tradicionais criatórios. No total foram comercializados 183 lotes.

Conforme Bernardo Pötter, da Agropecuária Caty, o leilão foi um sucesso, com médias boas e grande presença dos compradores, com muita procura por fêmeas para fora do Rio Grande do Sul. "Houve valorização dos animais de ponta. Nosso touro foi o mais valorizado. É um animal muito destacado com avaliação genética impecável e uma característica muito procurada pelos produtores, com uma composição do Braford feita 100% com Nelore, algo raro atualmente", salienta.

O destaque na venda ficou por conta do touro Braford T357, da Agropecuária Caty, comercializado pelo valor de R$ 18 mil, ao criador Ney Arthur Azambuja. Já o touro Braford S464, da Alvorada, fechou em R$ 15 mil, enquanto o touro Braford vencedor da PAC Hereford e Braford R221PAC, da Guatambu, ficou em R$ 13 mil. As médias fecharam em R$ 7,2 mil nos touros da raça Hereford e R$ 10,236 mil nos machos da raça Braford, sendo que os touros Braford dois anos ficaram com R$ 11,22 mil e os três anos em R$ 9,91 mil. Nas fêmeas, as médias ficaram em R$ 2,938 mil no Hereford e R$ 3,052 mil no Braford.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...