ANO: 25 | Nº: 6379
22/10/2019 Segurança

Região receberá mais de R$ 850 mil para projetos da Consulta Popular

O governo do Estado, por meio da Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE), liberou R$ 7.687.151,00 para a realização dos projetos da Consulta Popular votados no ano passado para todo o estado. Para Bagé foram liberados R$ 552.213,37 mil para Coordenadoria Municipal da Mulher e para Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe). Lavras do Sul irá receber R$ 228.519,55 para a Coordenadoria Municipal da Mulher e Dom Pedrito receberá R$ 80 mil para aquisição de veículo leve para Susepe.
A verba beneficiará 46 municípios e corresponde a 78 projetos, como reaparelhamento da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe). A atual gestão já liberou R$ 60.176.744,00 relativos à Consulta Popular de 2018, no qual o valor total era de R$ 80 milhões. Os municípios e associações responsáveis pelas demandas eleitas devem protocolar os planos de trabalho no Departamento de Desenvolvimento Regional da SGGE. A data limite para envio é 20 de dezembro. Após a entrega, os documentos serão analisados e encaminhados, em janeiro de 2020, para as secretarias do governo responsáveis pelo acompanhamento da execução dos trabalhos.
Os Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes) são parceiros no atendimento aos municípios. Outras informações podem ser obtidas no e-mail consulta-popular@sgge.rs.gov.br ou no telefone (51) 3288-1431 e 3288-1444.

Coordenadoria da Mulher
A coordenadora municipal de Políticas Públicas para as Mulheres, Cândida Navarro, destacou que este investimento é o resultado de uma luta de servidores do órgão. “Estou muito feliz, recebemos esse recurso de R$ 532 mil para aplicação total nas políticas públicas da mulher. Objetivo que sempre tive quando entrei nesta coordenadoria, qualificar os servidores para serem multiplicadores no combate a violência contra a mulher”, conta.
Cândida também ressalta que serão adquiridos equipamentos e materiais para oficinas, reforma do prédio da coordenadoria. “Como trabalhamos em cima da Lei Maria da Penha, temos que ter respaldo da acolhida, acompanhamento, encaminhamento das vítimas, prevenção de acontecimentos e serviço terapêutico, esses recursos serão usados neste sentido”, complementa.
A coordenadora ainda acrescenta que irão capacitar os servidores, trazer palestras, realizar fóruns, seminários e congressos. “Com a capacitação teremos mais multiplicadores e formadores que difundirão essas políticas públicas para mulheres. Com isso prevenimos crimes como o feminicídio e conseguiremos atingir mulheres em todas regiões do município, principalmente na zona rural”, declarou.
Outro ponto destacado por Cândida foi a doação de R$ 30 mil da Coordenadoria de Bagé e R$ 16 mil da Coordenadoria de Lavras do Sul para a Brigada Militar. “Fizemos um acordo e vamos honrar, pois a Brigada Militar é nossa parceira nessas políticas públicas, com a Patrulha Maria da Penha evitando diversas ações de violência e reincidência”, conclui.

Outros investimentos
Para a Susepe, de Bagé, foram disponibilizados R$ 10 mil para compras de armamentos e R$ 10 mil para aquisição de equipamentos de segurança pública. Para Lavras do Sul, o valor de R$ 228,519,55 será para aquisição de equipamentos e capacitação dos servidores. Dom Pedrito recebeu R$ 80 mil para aquisição de um veículo leve para a Susepe.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...