ANO: 26 | Nº: 6588
23/10/2019 Fogo cruzado

Prefeito de Bagé tem nova determinação impedindo exercício do mandato

Foto: Rodrigo Sarasol

Petebista já havia sido afastado por 180 dias anteriormente
Petebista já havia sido afastado por 180 dias anteriormente
Decisão da 2ª Vara Cível de Bagé determinou novo afastamento do prefeito municipal, Divaldo Lara, do PTB, em decisão proferida na sexta-feira, de acordo com informações do jornal Zero Hora. Em setembro, o petebista já havia sido afastado do cargo, por 180 dias.
O Jornal Minuano não teve acesso ao processo, que tramita em segredo de Justiça. Zero Hora informa, ainda, que Divaldo está impedido de exercer a função pública até o término da instrução processual e foi proibido de frequentar as dependências da Prefeitura e da Câmara de Vereadores.
O chefe do Executivo, hoje afastado, responde por ação de improbidade administrativa, ajuizada no decorrer da Operação Factótum, deflagrada em outubro de 2018, pela Procuradoria de Prefeitos e pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).
O Jornal MINUANO buscou contato com a defesa do petebista, mas não obteve retorno até o fechamento desta edição. À Zero Hora, ao adiantar que vai recorrer da decisão, o advogado Cristiano Gessinger Paul, responsável pela defesa, disse que Divaldo respeita o Judiciário, entendendo, porém, não ser adequado o afastamento nesse caso concreto.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...