ANO: 26 | Nº: 6543

Viviane Becker

viviminuano@hotmail.com
Colunista social do Jornal Minuano, Viviane Becker é experiente jornalista de geral e conhecida editora do caderno de variedades Ellas.
25/10/2019 Caderno Ellas

Intensa da cabeça aos pés

Foto: Reprodução JM

Coluna Ellas fazem com amor

por Rosane Coutinho

Jornalista e fotógrafa

 

A convidada desta semana é Carmem Sílvia Machado, a Carminha como muitos a conhecem. Posso afirmar que, há cerca de dois anos, nossos caminhos se cruzaram quando fui fotografar um aniversário muito especial da querida Marilu Pons. Nessa ocasião, no segundo piso da Neisa Confeitaria, estava aquela simpática e alegre loira dos olhos grandes e sorriso largo com a pequena Pietra no colo, que imaginei ser filha dela, mas, na verdade, se tratava da neta, e ficou evidente o amor que existia entre a avó e a neta.

Carminha e eu nos conectamos de cara, no primeiro encontro, com poucos minutos de conversa, e, ali mesmo, nos descobrimos vizinhas de quadra. Na atualidade, essa conexão só cresceu, porque ela é uma mulher que acolhe, é empática e de uma força fenomenal. Amiga de todas as horas e para melhorar ainda mais produz delícias. Quem nunca ouviu falar de CARMINHA NA COZINHA? Bolos integrais com mel, cacau, nozes, ou as ambrosias, geleias de abacaxi, bergamota, ou o Rei Alberto, são com ela mesmo. Há quem diga que nada supera o prazer de comer o salpicão que ela prepara. Doces, salgados, são inúmeras as mágicas que ela faz, que, muitas vezes, se surpreende, se questionando se foi ela mesma quem fez. Engraçado desse jeito mesmo, porque para ela tudo é feito com tanto cuidado, desde a qualidade dos ingredientes até mesmo ao acabamento, que sempre a surpreende.

A filha, Juliana, conta o quanto a mãe é extrovertida e comunicativa. “Ela se socializa tanto com as pessoas, que vão desde os fornecedores até a etapa final - o cliente”, comenta. E Carminha ainda explica que faz questão de entregar pessoalmente as encomendas uma vez que sente a necessidade de conhecer o outro, o contato visual e a troca de energia. Conta que, desde sua adolescência, já cultuava receitas. Comercialmente deu o ponta pé inicial, há seis anos, quando a filha, Gabriela, foi para o México em intercambio e a mãe se viu empreendendo no mundo culinário com o objetivo de aumentar a renda e assim contribuir com a estada da filha no exterior. As filhas Ju e Gabi sabem que a mãe é do tipo que fala o que pensa com toda sinceridade que lhe é peculiar, mas que tem o coração tão repleto de amor pela família, que faz tudo que está ao seu alcance para protegê-los.

Baixinha, gritona, mandona, vaidosa e extravagante, contém tudo o que uma mulher forte precisa ter. Busca seu equilíbrio porque na verdade é toda em exageros, de amar, sofrer e agir. Para nossa entrevistada, o seu êxito só existe devido ao auxílio que tem da Juliana, ao criar; da Gabriela, ao administrar, e do seu amado Vladimir Rodrigues, no marketing social, porque segundo ela, ele tem o poder da venda. Já para ele, Carminha é um divisor de águas, pois existe um Vladimir antes de conhecê-la e outro hoje. “Perfumada, sempre carinhosa com todos na volta. Amiga de quem é amigo. Como esposa afetuosa, muito dedicada e sempre tentando agradar ao máximo. Bastante desconfiada, às vezes, ciumenta, mas óbvio que tem muito mais qualidades. Tenho muito orgulho dessa mulher que amo. Não temos filhos de sangue. Mas amo todos”, exterioriza o veterinário.

A avó de Pietra e Martin é uma caixa de surpresas a todo momento, como quando contou ser fã da Ana Maria Braga, e que, nas manhãs que acompanha o programa, sente como se a apresentadora mandasse mensagens para ela.

Se tivesse que definir Carmem Sílvia em uma palavra certo que escolheria INTENSA. Saudosista, zela o presente com esperanças no futuro. Busca a melhor versão possível do que quer que seja, ou quem seja. Tem dois grandes momentos que há tornam feliz: primeiro, o bem viver da família e depois, os feedbacks dos clientes. “Eu choro, me arrepio e me emociono quando me dizem o quanto gostam do que faço. E essa recompensa não tem preço”, conclui.

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias do caderno

Outras edições

Carregando...