ANO: 25 | Nº: 6382
09/11/2019 Cidade

Bioma em foto

Foto: Luiz Liberato Costa Corrêa/EspecialJM

Exemplar da foto foi fotografado pelo doutor em Biologia, Luiz Liberato Costa Corrêa, egresso do curso de Ciências Biológicas da Urcamp, no município de São Sepé (RS)
Exemplar da foto foi fotografado pelo doutor em Biologia, Luiz Liberato Costa Corrêa, egresso do curso de Ciências Biológicas da Urcamp, no município de São Sepé (RS)
O gato-maracajá (Leopardus wiedii) é um felino de pequeno porte e pelagem pintada. Possui grandes olhos, focinho saliente e cauda muito longa. Come uma grande variedade de presas de vertebrados (mamíferos, aves, répteis e anfíbios), porém os principais itens de sua dieta são pequenos roedores arborícolas, seguido por pequenas aves. Possui hábitos solitários e noturnos, sendo habilidoso nas árvores. O período de gestação é de 81 a 84 dias e a expectativa de vida é de cerca de 13 anos. É encontrado desde o México até o norte do Uruguai e Argentina, e em todo o Brasil, sendo associado a áreas de florestas, mas também pode ser encontrado em ambientes alterados. A espécie é considerada como vulnerável no Rio Grande do Sul.
Para saber mais sobre essa ou outras espécies da flora e fauna do Bioma Pampa, entre em contato com o curso de Ciências Biológicas da Urcamp, pelo telefone (53) 3242-8244, no ramal 212.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...