ANO: 26 | Nº: 6523
11/01/2020 Cidade

Bagé recebe 660 doses da vacina pentavalente

A prefeitura de Bagé recebeu 660 doses da vacina pentavalente, liberadas pelo Ministério da Saúde. A informação foi confirmada pelo governo, por meio de assessoria de imprensa. A vacina é indicada para crianças de dois, quatro e seis meses de vida e protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e bactéria haemophilus influenza tipo B (responsáveis por infecções nariz e garganta). Assim, de forma gradual, o Ministério da Saúde começa a restabelecer os estoques de todo o país.
De acordo com a coordenadora municipal de imunizações, Tatiana Miranda, todas as unidades de saúde serão contempladas com as doses, embora o número seja insuficiente para a demanda da cidade. Ela destaca que, somente no Centro de Referência Materno Infantil Camilo Gomes, existe uma fila de espera de 200 crianças aguardando pela vacina, desde dezembro do ano passado. “Já começamos a fazer o chamamento desses bebês para que recebam a dose da pentavalente. Em Bagé, por mês, são necessárias em média 450 doses da vacina”, informa.
Em outubro de 2019, os lotes da vacina foram recolhidos, pois foram reprovados em testes de qualidade feitos pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) e análise da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), segundo informações repassadas pelo Ministério da Saúde. Por este motivo, as compras com o antigo fornecedor, a indiana Biologicals E. Limited foram interrompidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que pré-qualifica os laboratórios.
O sistema de Vigilância em Saúde do Ministério monitora continuamente os estoques de vacinas, investiga o quantitativo distribuído aos estados e planeja, reabastecimento dos estoques de rotina, extra rotina e emergência.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...