ANO: 26 | Nº: 6588
15/01/2020 Cidade

Centro Clínico do Hospital Universitário dará início ao serviço de Pediatria

Foto: Antônio Rocha

Pediatra explica que, inicialmente, atendimentos serão realizados nas terças e quintas-feiras, com agendamento prévio
Pediatra explica que, inicialmente, atendimentos serão realizados nas terças e quintas-feiras, com agendamento prévio
A partir de terça-feira, 21, o Hospital Universitário (HU) da Urcamp, mantido pela Fundação Attila Taborda (Fat), passará a contar com o serviço de Pediatria, que será prestado pela médica Liziane Kalil. Inicialmente, os atendimentos, particulares e convênios, serão realizados nas terças e quintas-feiras, das 18h às 20h, com agendamento prévio. Posteriormente, a ideia é agregar outros profissionais da área.
De acordo com o coordenador do Centro Clínico, Igor Messias, atualmente o espaço oferece serviços de clínico geral e geriatra, além de exames completos, serviço de psicologia e nutrição, eletrocardiograma, radiografia e tomografia, destacando que, a partir da próxima semana, contará com a pediatra.
Messias comenta que o HU conta com estacionamento próprio e toda a estrutura da instituição está disponível para os atendimentos. Ele destaca que já está havendo procura pelo serviço e os agendamentos podem ser realizados através do telefone (53) 32427433.
Segundo Liziane, inicialmente, os atendimentos serão duas vezes por semana, mas este é apenas o início de um 'grande projeto que está sendo implementado no Hospital Universitário'. “Iremos atender crianças e adolescentes de zero a 16 anos”, relata.
A médica informa que quando terminou a especialização, há aproximadamente 30 anos, utilizou, muitas vezes, a estrutura de internação do hospital, e está muito feliz com o acolhimento e profissionalismo da equipe diretiva da instituição. “O projeto de pediatria vai trazer muitos benefícios à população”, avalia.
A pediatra conta que serão oferecidas consultas e serviços ambulatoriais. Além disso, será realizado um trabalho de prevenção. Liziane explica que a intenção é oferecer, para as crianças, atendimentos neuropsicológicos, motores, de desenvolvimento, checagem da carteira de vacinação, orientação à família, prevenção de doenças da infância e acidentes domésticos.
Já para os adolescentes, a prevenção será sobre álcool, drogas e doenças sexualmente transmissíveis, gestação precoce, vacinas e saúde mental. “Com o tempo, iremos implementar os atendimentos de Nutrição e equipe de Enfermagem”, adianta.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...