ANO: 26 | Nº: 6541
31/01/2020 Segurança

BM divulga vídeo do momento de conflito com homem que foi morto no Estrela D’alva

O Comando da Brigada Militar convocou, nesta manhã, coletiva de imprensa, para esclarecer os fatos sobre o caso ocorrido ontem à noite, no bairro Estrela D'alva, quando Denilson Duarte, de 38 anos, foi morto durante um confronto com policiais. O vídeo mostra exatamente o momento do conflito com a guarnição. Por parte da Brigada Militar, será aberto um Inquérito Policial Militar, sob a responsabilidade do capitão Patrique Rolim Marques. O prazo para investigação da BM é de 40 dias, podendo ser prorrogado para mais 20.

Vídeos

  • 31/01/2020

    Brigada Militar divulga vídeo de confronto entre PM e homem que acabou morrendo após ser baleado

    Um homem foi morto durante um confronto com a Brigada Militar, ocorrido ontem (quinta-feira), entre às 19h45min e 20h55min, próximo ao estádio Antônio Magalhães Rossell, bairro Estrela D’alva.

    Na manhã desta sexta-feira, dia 31 de janeiro de 2020, a BM convocou uma coletiva de imprensa para apresentar detalhes do ocorrido. Na oportunidade, foi divulgado um vídeo do momento em que o indivíduo é atingido por um tiro e cai. É possível verificar que o baleado portava uma barra de ferro que partiu em direção ao PM.




    O que diz o boletim de ocorrência do fato?


    Conforme relatado em boletim de ocorrência, a Brigada Militar foi acionada em função de consumo de drogas no local e após um pedestre ter sido roubado.
    Chegando ao local, os policiais avistaram dois indivíduos na lateral do muro do estádio. Assim, a BM abordou a dupla e solicitou que colocassem as mãos na cabeça. Entretanto, conforme relatado pela BM, no boletim de ocorrência, um deles teria desobedecido a ordem. Em seguida, pegou uma barra de ferro que estava dentro da mochila que carregava e investiu contra um dos policiais.
    Como forma de reação, o policial que foi alvo do homem sacou sua arma, com munição “menos-letal”, e desferiu sete disparos em direção ao indivíduo, na “linha abaixo da cintura”. Entretanto, o policial reitera que, em nenhum momento, o homem deixou de investir contra ele.
    Mesmo com a repressão, o acusado correu em direção a rua Padre Abílio Sponchiado e, nas proximidades dos condomínios Scyla Médici, foi novamente interpelado. Então, os policiais efetuaram novos disparos, dessa vez, com munição letal. E um deles acertou a região da cintura do acusado.
    O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e levou o baleado, identificado como Denilson Duarte, 38 anos, ao Hospital de Pronto-Socorro (HPS). No entanto, por volta das 21h, os profissionais de plantão atestaram o óbito.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...