ANO: 26 | Nº: 6590
07/02/2020 Cidade

CTG Prenda Minha completa 50 anos hoje

Foto: Tiago Rolim de Moura

Jubileu de ouro do Centro Tradicionalista será celebrado no sábado, com show da banda Tchê Guri
Jubileu de ouro do Centro Tradicionalista será celebrado no sábado, com show da banda Tchê Guri

Há exatos 50 anos, a Praça Rio Branco, conhecida popularmente como Praça de Esportes, foi cenário da fundação de um dos maiores centros de tradições gaúchas da Rainha da Fronteira, o Prenda Minha. Fundado em 7 de fevereiro de 1970, o CTG coleciona histórias, títulos e troféus, além da garantia de manutenção do tradicionalismo na região.

Patrão fundador do centro, o professor Valentin Casalli recorda que o Prenda Minha foi a terceira entidade tradicionalista de Bagé, pois à época já funcionavam os CTG’s 93 e Cruzeiro do Sul. Casalli conta que a ideia surgiu como uma opção para o peão, que, muitas vezes, não se sentia confortável com as outras opções de lazer disponíveis. No CTG, além de manter a cultura gaúcha, os integrantes aproveitavam as atividades como programas para toda a família.

As movimentações já vinham do ano de 1969, mas a mobilização mais concreta para a efetivação teve início em dezembro daquele ano, quando a futura patronagem e diretores fundadores “acamparam” na Praça Esporte. “Conseguimos que a Prefeitura cedesse espaço para construirmos um rancho na praça, que na época era cercada. Construímos um rancho e aquela foi a nossa primeira sede”, recorda Casalli.

O grupo permaneceu no rancho da praça até final de fevereiro, após a fundação oficial do CTG, que contou, inclusive, com a bênção do bispo Dom Ângelo Mugnol. No mesmo ano, o grupo conseguiu cedência de uma nova área, desta vez por parte do Exército Brasileiro. Então, a segunda sede do centro de tradições gaúchas passou a funcionar na Rodrigues Lima, nº 72, onde hoje está localizada a Capelania Militar. Pouco tempo depois, ainda na década de 1970, o Centro mudou para a sede que ocupa desde então, na rua Barão do Itaqui, no bairro Getúlio Vargas.

O nome foi uma ideia do fundador, como forma de homenagear a força feminina. “Durante os dez anos da Revolução Farroupilha, as mulheres permaneceram fortes, cuidando sozinhas da família e de seu patrimônio, esperando o marido, o pai, os filhos, voltarem. Quando sugeri o nome para o rancho, foi aprovado por aclamação. E essa foi a semente para nomear, depois, o CTG”, recorda.

E a personalidade da mulher gaúcha foi uma das forças motrizes da entidade, que já elegeu duas vezes a Primeira Prenda do Rio Grande do Sul. O tradicional concurso, disputado por mais de 400 candidatas, é reconhecido pelo rigor das sabatinas e provas à que as competidoras são submetidas. A primeira prenda foi Silvia Trombini e a segunda foi Roberta Jacinto, que ganhou a faixa representando o CTG Prenda Minha em 2016.

Atualmente, em sua 15ª patronagem, a cargo de Cleomar Rodrigues Franco, que permanece à frente da gestão até maio deste ano, a entidade conta com cerca de 70 sócios e mais de 80 crianças e jovens ensaiando nas Invernadas Pré Mirim, Mirim e Juvenil.

O patrão da entidade pontua que os CTG’s são o centro da manutenção do tradicionalismo, pois trabalham com crianças a partir dos 5 anos, mostrando a importância de cultivar as raízes, história e tradições. Destaca, ainda, que a participação na rotina dos centros de tradicionalismo é saudável, principalmente quando o incentivo parte de casa, a partir dos pais. “É muito importante o incentivo de pai e mãe porque parte deles levar os filhos para o CTG. A partir do momento em que eles estão lá, nos encarregamos de trabalhar com eles da melhor forma possível”, destaca.

Para celebrar as cinco décadas, a entidade realiza, neste sábado, um super baile com a banda Tchê Guri. A festa inicia às 23h e marca o início do mês de aniversário do Prenda Minha. Interessados podem garantir os ingressos antecipados por R$ 20 e mesas a R$ 100 com direito a quatro convites, a partir das 16h de hoje, no CTG, e amanhã, durante toda a tarde. Mais informações através dos telefones (53) 999 424803 ou 99955 6464.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...