ANO: 26 | Nº: 6495
07/03/2020 Segurança

Tiroteio em Dom Pedrito mata adolescente de 14 anos

Foto: Márcio Trojahn/Portal Qwerty/Especial JM

Perícia realizou levantamento técnico, na manhã de sexta-feira, no local do confronto
Perícia realizou levantamento técnico, na manhã de sexta-feira, no local do confronto

Emanuelle Lemos Simões de Lima, de 14 anos, foi morta após ser alvejada durante um confronto entre criminosos e policiais de Dom Pedrito, quando um cumprimento de mandado de busca e apreensão era realizado rua Nei Moreira Viana (Beco da Punhalada), bairro Santa Terezinha, que investigava a morte da ex-companheira de um homem que seria o chefe do tráfico de drogas da Capital da Paz, no final da tarde de quinta-feira.

Conforme o registro de ocorrência, o mandado judicial seria originalmente cumprido na sexta-feira, em um ponto de tráfico de drogas, onde estaria o indivíduo investigado pela morte de Bruna Alves da Silva, em 23 de janeiro. A operação precisou, porém, ser antecipada, pois o indivíduo foi detido em via pública, próximo à Pracinha da Paz. Depois de revistá-lo, foi solicitado apoio da Brigada Militar para ir até a casa do suspeito. Ao se aproximarem do endereço alvo da ação, um homem apareceu correndo na direção contrária e entrou no imóvel. A casa foi cercada, mas o suspeito conseguiu fugir pelos fundos. Esse homem acabou se deparando com uma guarnição da Brigada Militar, que vinha pelo lado oposto, sacou a arma e desferiu disparos contra os policiais que revidaram, momento em que Emanuelle, que estava na rua, foi atingida na perna.

Os policiais socorreram a vítima, levaram-na para o Pronto-Socorro de Dom Pedrito. No local, o Samu tentou conter o sangue, mas não conseguiu. Foi então que houve a decisão de levá-la para Pelotas, devido à gravidade do ferimento. No caminho, na BR-293, próximo a Bagé, contudo, a adolescente não resistiu aos ferimentos e morreu.

Na manhã de sexta-feira, ocorreu a perícia no local onde aconteceu a troca de tiros entre policiais militares e um criminoso.

Investigação

Com a participação da Policia Civil de Dom Pedrito na ação, o delegado regional, Luis Eduardo Benites, determinou a investigação para a delegada Daniela Barbosa de Borba, titular da 1ª DP de Bagé. O projétil foi retirado do corpo de Emanuelle e deverá ser periciado para determinar, por exemplo, o calibre e o tipo de arma.

 

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...