ANO: 26 | Nº: 6576
26/03/2020 Segurança

Instituto Penal de Bagé registra princípio de rebelião; situação já está resolvida

Foto: Divulgação

Um pedaço de colchão foi queimado e detentos se recusaram a almoçar
Um pedaço de colchão foi queimado e detentos se recusaram a almoçar

Na tarde desta quinta-feira, apenados do Instituto Penal de Bagé (IPB) começaram um princípio de rebelião. Segundo o diretor do IPB, Marcel Fernandes, a situação foi contida.
“Foi apenas uma ameaça, queimaram um pedaço de colchão e se recusaram a almoçar, mas estão mais calmos, conversamos com eles”, destacou.
A juíza que está respondendo pela Vara de Execuções Criminais (VEC), Naira Melkis Caminha, encaminhou a liberação para cerca de 10 apenados do regime semiaberto, que possuem carta de trabalho do convênio com a Prefeitura, para ficarem em prisão domiciliar.

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...