ANO: 26 | Nº: 6542

José Artur Maruri

josearturmaruri@hotmail.com
Colaborador da União Espírita Bajeense bagespirita.blogspot.com.br
27/06/2020 José Artur Maruri (Opinião)

Nunca esmoreças


"Não tenhas medo do que irás sofrer. [...]" (Apocalipse 2:10)
Na última semana, segundo informações dos principais portais jornalísticos do Brasil, ultrapassamos a barreira de 50.000 mortes em virtude do avanço da famigerada COVID-19.
O Espiritismo, por sua vez, representado por seus órgãos federativos, baseado em seu tríplice aspecto, científico, filosófico e de consequências morais e religiosas, submete-se às orientações médico-sanitárias, busca entender o atual momento em reuniões virtuais que estão sendo realizadas em todo o Brasil e pelo mundo, através dos órgãos federativos internacionais e, com isso, extrai alguns entendimentos que vem norteando os nosso dias.
Ao que se observa, diante do avanço de algo que ainda não é totalmente conhecido pela humanidade, vê-se, principalmente nas redes sociais, o medo sendo disseminado. Aliás, no momento que traçamos essas linhas, um dos assuntos mais comentados nas redes sociais é o avanço de uma nuvem de gafanhotos na Argentina, o que, somado à COVID-19, leva os internautas a traçarem várias relações com o apocalipse e às pragas que assolaram os egípcios por ocasião da libertação do povo hebreu liderado por Moisés.
Não por acaso, o trecho que citamos logo no início é extraído do livro de apocalipse e consta na obra "O Evangelho por Emmanuel – Comentários às Cartas Universais e ao Apocalipse", editada pela Federação Espírita Brasileira. Nela, o benfeitor espiritual de Francisco Cândido Xavier, coloca que "uma das maiores preocupações do Cristo foi alijar os fantasmas do medo das estradas dos discípulos".
Nesse sentido, Allan Kardec, na obra "O Evangelho Segundo o Espiritismo", afirma que "quando a fé se firma no erro, ela desmorona cedo ou tarde. A que tem por base a verdade é a única com futuro assegurado, porque nada deve temer do progresso e do conhecimento, já que o que é verdadeiro na obscuridade também o é à plena luz".
Ainda que estejamos ameaçados por tal enfermidade que vem assolando os nossos dias, o que nos coloca em estado de vigília e oração pelos inúmeros irmãos que retornam à Pátria Espiritual todos os dias, não devemos esmorecer, já que somos sabedores de que o "Auxílio Invisível da Espiritualidade Superior possui veículos inúmeros de socorro, a fim de trazer-nos reequilíbrio e renovação", tanto cá como lá.
E a certeza do auxílio não vem de uma fé dogmática, muito pelo contrário, o Espiritismo, através do trabalho basilar de Allan Kardec, se apoia nos fatos e na lógica, não deixando nenhuma obscuridade sendo, por isso, uma fé raciocinada.
Na lição de Allan Kardec, veja-se:
"Crê-se, porque se tem a certeza, e somente estamos certos se compreendermos. É por isso que ela (fé raciocinada) não se dobra, pois a fé inabalável é somente aquela que pode encarar a razão face a face em todas as épocas da Humanidade. É a este resultado que o Espiritismo conduz, triunfando assim sobre a incredulidade, todas as vezes em que não se encontra oposição sistemática e interessada".
Enfim, cientes de que cada irmão que desencarnou nos últimos dias não foram apenas números ou estatísticas e, nesse sentido, também sabemos que ainda teremos perdas inestimáveis nesses dias de combate ao COVID-19, no entanto, como prescreve o amigo espiritual de Chico Xavier e de todos nós: - Nunca esmoreças.
"Seja qual for a provação que te assinale o caminho, jamais esmoreças. Mantém-te na confiança em Deus e espera por Deus, trabalhando e servindo na edificação do bem de todos, tanto quanto isso se te faça possível, porque Deus também confia, esperando por ti". – Emmanuel.

(Referências: Allan Kardec. O Evangelho Segundo o Espiritismo. Cap. 19. Item 6. FEB Editora. p. 262-263. Francisco Cândido Xavier. O Evangelho por Emmanuel – Comentários às Cartas Universais e ao Apocalipse. FEB Editora. p. 272-274).

José Artur M. Maruri dos Santos
Colaborador da S. Espírita León Denis e União Espírita Bajeense
josearturmaruri@hotmail.com

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...