ANO: 26 | Nº: 6586
14/08/2020 Segurança

Sancionada lei que autoriza integração entre Brigada Militar e Guardas Municipais

 

O projeto lei, de autoria do deputado estadual Tiago Simon (MDB), que permite a Brigada Militar atuar na preparação das Guardas Municipais, virou Lei após ser aprovado pela Assembleia Legislativa e, na quinta-feira, dia 13, ser sancionado pelo governador Eduardo Leite, em cerimônia por videoconferência.

A Assembleia Legislativa havia aprovado a proposição no dia 22 de julho. A partir de agora, governo e prefeituras podem firmar convênios para integrar a Brigada Militar e as Guardas Municipais. A lei institui um marco legal para agregar os sistemas de comunicação e de inteligência das duas polícias e reforçar a ação ostensiva nas ruas.

A lei autoriza a criação de um órgão específico na Brigada Militar para o fazer o treinamento, a fim de preservar o caráter civil das Guardas Municipais. O objetivo é somar esforços para avançar no combate à criminalidade. "Com essa lei, haverá a otimização de recursos e eficiência dos serviços para garantir mais segurança à população. Assim, a Guarda Municipal também vai agir no policiamento das ruas, trocando informações e se somando ao trabalho da Brigada Militar", explicou o deputado Tiago Simon.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...