MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Segurança

Secretaria admite que divulgou dados errados sobre homicídios no Estado

Publicada em 19/08/2017

A Secretaria de Segurança Pública admitiu que divulgou dados errados sobre o número de homicídios registrados no Rio Grande do Sul em 2016. A denúncia de que o governo do Estado estaria alterando os números foi feita na tribuna da Assembleia Legislativa e nas redes sociais pela deputada Stela Farias, do PT. Ao reconhecer o erro, a pasta se compromete a “trabalhar com ainda mais afinco no sentido de evitar que este episódio se repita”.
De acordo com a parlamentar, o secretário de Segurança do Estado, Cézar Schirmer, divulgou que, em 2016, foram 2608 homicídios no Estado, mas a soma no site da secretaria era de 3197. Inicialmente, a pasta contestou a deputada, mas, na tarde de quarta-feira, o órgão divulgou uma nota admitindo o erro.
A secretaria diz que “imediatamente após o relato da deputada Stela, deu-se início a um criterioso processo de auditoria”. O resultado, segundo a SPP, mostrou que os dados relacionados ao crime de homicídio foram publicados de forma errônea. “Ao invés de ser divulgado o número de ocorrências (padrão nacional e estadual), foi publicado o número de vítimas. Isto fez com que existisse uma diferença nos índices apresentados”, afirma a nota.
Stela afirma que vai levar o caso ao Ministério Público Estadual (MPE), porque se trata, na sua avaliação, de ‘uma manipulação grosseira dos números da segurança’. “A população gaúcha tem o direito à informação verdadeira e o poder público deve utilizar estatísticas confiáveis e detalhadas para produzir políticas públicas eficientes””, afirmou a deputada.

Leia também em Segurança
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online