MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Segurança

Decrab Bagé prende proprietário de frigorífico em Taquara

Publicada em 20/08/2020
Decrab Bagé prende proprietário de frigorífico em Taquara | Segurança | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Agentes da Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (Decrab/Bagé) deflagrou, nesta quarta-feira (19), a segunda fase da Operação Caminho da Serra. A investigação teve início em março de 2019, tendo a primeira etapa sido deflagra em novembro. Naquela oportunidade, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em vários frigoríficos investigados por venderem carne em condições impróprias para o consumo humano e também pela suposta compra de gado de quadrilhas de abigeato.

No curso das investigações, foi apreendida mais de uma tonelada de carne e os estabelecimentos investigados tiveram suas atividades suspensas pela Justiça.

Em março deste ano, os policiais da Decrab receberam informações dando conta de que um dos frigoríficos investigados estava atuando de forma clandestina. Assim, foi realizada uma ação por parte da Vigilância Sanitária do município de Taquara e ficou constatado que o estabelecimento, mesmo com as atividades suspensas, continuava a operar.

Em razão dos fatos, o delegado André Mendes, titular da Decrab/Bagé, representou por um mandado de busca e apreensão no local, bem como pela prisão preventiva do proprietário. O pedido foi atendido pelo Poder Judiciário da Comarca de Taquara.

No local, segundo divulgado, já haviam sido apreendidos, além de carne imprópria para o consumo humano, carimbos falsos: prática comum de frigorífico que atua à margem da legalidade, conforme a Polícia.

A operação contou com o apoio das Delegacias de Polícia de Taquara e Parobé, bem como também do Sistema de Inspeção Municipal de Taquara (SIM).

Galeria de Imagens
Leia também em Segurança
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online