MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Fogo Cruzado

Eleição de 2020 vai definir terceiro prefeito da história de Aceguá

Publicada em 19/09/2020
Eleição de 2020 vai definir terceiro prefeito da história de Aceguá | Fogo Cruzado | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Apenas dois prefeitos (um do MDB e outro do PSDB) já governaram o município

Cinco candidatos disputam a Prefeitura de Aceguá, em um pleito histórico para a cidade da fronteira com o Uruguai. O vencedor, em novembro de 2020, será o terceiro prefeito do município, que completa duas décadas de implantação no próximo ano.
Aceguá foi criado em 16 de abril de 1996. A implantação do município, porém, aconteceu em janeiro de 2001. Apenas dois prefeitos foram eleitos desde 2000: Julio Cezar Pintos, pelo Movimento Democrático Brasileiro (MDB), e Gerhard Martens (Doutor Geraldo), pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).
Júlio Pintos, Doutor Geraldo e Glécio dos Santos Rodrigues, do PT, disputaram o primeiro pleito, em 2000, vencido pelo emedebista. O cenário de candidaturas se repetiu, em 2004, com nova vitória de Júlio. Em 2008, com a legislação vedando a disputa pela segunda reeleição, do candidato do MDB, Doutor Geraldo derrotou Rodrigues e garantiu seu primeiro mandato.
No pleito de 2012, Doutor Geraldo disputou a reeleição, mas perdeu o pleito para Júlio Pintos. Nas eleições de 2016, foi a vez de Júlio Pintos disputar a reeleição e perder o pleito para Doutor Geraldo. Na eleição, Danilo Pereira concorreu pelo Progressistas e Eraldo Seling pelo PT.
O pleito de 2020, além de contabilizar o maior número de candidaturas desde a primeira eleição municipal de Aceguá, também marca a estreia de três partidos na disputa pela Prefeitura. Será a primeira eleição da cidade sem candidaturas de Júlio Pintos e Doutor Geraldo. O tucano, aliás, é o primeiro prefeito de Aceguá a abrir mão da possibilidade de disputar a reeleição para o cargo.
O PSDB aprovou a candidatura do vereador Marcus Vinicius Godoy de Aguiar (Peti). O MDB homologou a candidatura do vereador Edmundo Pichler. O Democratas (DEM), que disputa a Prefeitura de Aceguá pela primeira vez, deliberou pela candidatura do produtor rural Willi Janzen. O Partido Social Democrático (PSD), outro estreante no pleito municipal, indicou o vereador Alfredo Castillos de Los Santos. O Partido Liberal (PL), que também concorre ao Executivo, homologou a candidatura de Fernandinho Teixeira.

Galeria de Imagens
Leia também em Fogo Cruzado
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online