MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Cidade

Prefeitura e Associação Pró-Santa Thereza buscam parcerias com Estado e Câmara Federal para recuperar Centro Histórico

Em 16/02/2021 às 11:05h

por Melissa Louçan

Prefeitura e Associação Pró-Santa Thereza buscam parcerias com Estado e Câmara Federal para recuperar Centro Histórico | Cidade | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Capela sofreu depredação no final de janeiro | Foto: Tiago Rolim de Moura

Local de intensa atividade cultural no município, o Centro Histórico Vila de Santa Thereza sofreu com vandalismo no final de janeiro - a capela, local muito utilizado para celebrações religiosas da comunidade do entorno, teve parte da estrutura de apoio da escadaria arrancada. Agora, o município e a Associação Pró-Santa Thereza buscam parcerias em outras esferas para recuperar o patrimônio centenário.

Lembrando que o local passou por profundas reformas há cerca de 20 anos, após décadas esquecido. A mobilização do trabalho voluntário da Associação Pró-Santa Thereza, sob coordenação de Cecê Moglia, obteve apoio da Copesul/Braskem, que previa a revitalização não apenas da igreja, mas também a reconstrução do teatro Santo Antônio, revitalização do espaço que abrigará o memorial e a construção da praça de eventos, em uma primeira fase.

A atual presidente da Associação Pró-Santa Thereza, Marilu Teixeira, conta que o projeto completo para finalizar a obra de revitalização do centro histórico está orçado em R$ 6 milhões, contemplando todos os interiores do Memorial, a construção do anexo para cursos e atividades comunitárias, construção do anfiteatro, restauro do coreto, sinalização das ruínas, iluminação e projeto paisagístico incluindo parques, trilhas e pomares.

“Neste momento, estamos buscando soluções emergenciais para resolver problemas de infiltração, problemas elétricos, pintura e restauro do patrimônio vandalizado. Estamos buscando contribuições com a comunidade, entre as integrantes da associação, através de nosso brique e de doações de amigos do Centro Histórico”, explica. A Associação também está engajada na busca por emendas parlamentares que possam custear reformas estruturais importantes, avançando em algumas etapas do projeto. “Já temos a sinalização positiva do deputado Giovani Cherini, através da representante local do PL Mulher, Adriane Simões Pires, que está engajada em nossa campanha. Nossa intenção é apresentar o projeto para todos os parlamentares gaúchos durante o ano de 2021”, conta

Chefe de Gabinete da Secretaria de Cultura e Turismo, Paulo Henrique Feltrin conta que a gestão entrou em contato com a Secretária Estadual de Cultura, Beatriz Araújo, que, já sabendo do ocorrido no centro histórico, se prontificou a formar uma força-tarefa com a gestão municipal em busca de recursos para a recuperação do patrimônio. A ideia, conforme conta Feltrin, é buscar verbas através de editais do Governo Federal, específicas para recuperação de patrimônios históricos.

Além disso, o deputado federal Lucas Redecker (PSDB) também sinalizou a possibilidade de encaminhar emendas para recuperação dos espaços públicos de cultura, não apenas do centro histórico, como também do Clube Comercial. “A recuperação desses equipamentos são prioridade da nossa gestão frente à cultura”, aponta.

Galeria de Imagens
Leia também em Cidade
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online