MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Fogo Cruzado

Vereadoras querem ativação do Conselho da Mulher

Em 02/03/2021 às 09:33h

por Redação JM

Vereadoras querem ativação do Conselho da Mulher | Fogo Cruzado | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Cárem e Beatriz sugeram adequação de legislação para que órgão entre em funcionamento | Foto: Divulgação

As vereadoras Cáren Castencio (PT) e Beatriz Souza (PSB) protocolaram, segunda-feira, dia 1º, um projeto de lei para colocar em funcionamento o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (COMDIM). A definição ocorreu após a parlamentar petista reunir-se com a titular da Coordenadoria Municipal da Mulher, Diversidade e Idoso, em janeiro, para conhecer o trabalho do órgão e verificar o funcionamento de conselhos vinculados à pasta.

Segundo relatado, o COMDIM não estava funcionando em virtude de um erro na legislação que trata sua composição."Como o governo não enviou projeto de lei para corrigir o problema, apresentamos esta iniciativa para retirar qualquer obstáculo para que o governo coloque em funcionamento o Conselho da Mulher", resume Cáren. A vereadora Beatriz explica que a data escolhida para protocolar o projeto de lei não foi à toa. "Hoje (segunda-feira) inicia o Mês da Mulher, quando nossos mandatos desenvolverão uma série de atividades de reflexão sobre a situação das mulheres", frisa.

Na Câmara, Cáren Castencio também tem mobilizado a presidência da Casa para reativar a Procuradoria da Mulher, órgão do Poder Legislativo responsável por fiscalizar, analisar e propor políticas públicas para as mulheres, bem como receber denúncias de violação de direitos e realizar estudos que subsidiem a atuação dos vereadores. "É nosso compromisso buscar mais espaços que podem servir para a atuação em defesa das mulheres e para ampliar a representação feminina nos espaços públicos", avalia.

Galeria de Imagens
Leia também em Fogo Cruzado
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online