MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Cidade

Área das fundações do Forte de Santa Tecla deve ter limpeza e manutenção

Em 15/04/2021 às 11:22h
Melissa Louçan

por Melissa Louçan

Área das fundações do Forte de Santa Tecla deve ter limpeza e manutenção | Cidade | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Foto: Divulgação

Com a temática Forte de Santa Tecla, o prefeito em exercício, Mário Mena Kalil, e o secretário de Desenvolvimento Rural, João Pedro Finger, estiveram reunidos, na manhã de quarta-feira, dia 14, com a presidente da Associação Pampa Gaúcho de Turismo (Apatur), Clori Peruzzo, e com o presidente do Núcleo de Pesquisas Históricas Tarcísio Taborda, Jaime Barbosa Viviam Júnior. 

A ideia do encontro foi garantir que a área de cerca de 25 hectares seja limpa, por meio de roçada, e sejam realizados os consertos da cerca e da porteira. O prefeito em exercício garantiu que o Governo Municipal fará a limpeza da área. Uma equipe deve ser enviada ao local para analisar o terreno e verificar como poderá ser realizada a manutenção.

O secretário de Desenvolvimento Rural, João Pedro Finger, explicou que fará o reparo dos bueiros da estrada que leva ao Forte. Ele pontuou, também, que a entrada do local está com difícil acesso. “Onde for possível roçar,nós iremos realizar o serviço", garantiu Finger.

O Forte de Santa Tecla, construído em 1774, é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). O historiador Jaime Barbosa explica que o local é uma área de preservação ecológica. “É um local de preservação. Com a roçada é possível verificar as fundações do Forte e a vista do local por si só já é contempladora. É possível ver o município de Candiota”, comenta.

Jaime explica que o Forte é um importante ponto turístico do município, que desperta interesse não somente pelos aspectos históricos, mas também pela ecologia e meio ambiente. Com a garantia de limpeza e manutenção da área, o acesso de turistas fica facilitado.

Galeria de Imagens
Leia também em Cidade
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online