MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Campo e Negócios

Bom momento da pecuária gera expectativa para leilões de outono

Em 15/04/2021 às 06:31h

por Redação JM

Bom momento da pecuária gera expectativa para leilões de outono | Campo e Negócios | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Estimativa é de valorização para o setor | Foto: Divulgação/Conexão Delta G

Os leilões de outono da pecuária, neste ano, devem registrar preços valorizados. A expectativa para os remates da temporada, tanto de genética - touros e ventres registrados -, como de animais comerciais - cria e recria -, são positivas, em função do momento que atravessa a pecuária gaúcha e nacional.

Conforme Eduardo Eichenberg, um dos diretores da Conexão Delta G, entidade que reúne associados cuja produção está baseada nas raças Hereford e Braford, ao que pese as dificuldades econômicas que o país atravessa em função da pandemia de Covid-19, o aumento expressivo das exportações de carne desde o fim de 2019 levou a uma forte valorização do preço do boi gordo, o que consequentemente teve um efeito cascata em todas as demais categorias. “Este aumento foi  puxado, principalmente, pela crescente demanda chinesa e fortalecido no último ano pela desvalorização do Real perante ao Dólar, aliado a uma diminuição dos abates em nível nacional”, explica. 

Eichenberg lembra que, em 2020, já foi vivenciada uma grande valorização, e, no primeiro trimestre de 2021, o preço do gordo já está, em média, 40% superior ao mesmo período de 2020, com efeito semelhante nas demais categorias de cria e recria. “Isso nos leva a crer que teremos uma forte demanda nos próximos leilões, em especial naqueles realizados por integrantes da Conexão Delta G - cujos eventos, tanto comerciais quanto de genética, já são reconhecidos pela superioridade qualitativa das suas ofertas”, ressalta.

Em relação aos preços, Eichenberg acredita que ocorrerá uma valorização entre 30% e 40% sobre os valores praticados no outono passado, especialmente nas fêmeas, “uma vez que a atividade de cria está bastante valorizada”. E salienta que a busca por animais superiores das raças Braford e Hereford, como os que os integrantes da Conexão Delta G costumam ofertar, deve ser "muito grande".

De acordo com o leiloeiro Lourenço Campo, também associado da Conexão Delta G, a comercialização do terneiro está muito valorizada, estimulando um aumento de plantel, a retenção de fêmeas e, consequentemente, uma demanda maior por touros. “Acredito que teremos uma temporada forte, baseada na arroba do boi que sustenta o nosso negócio. O valor do boi gordo está muito firme”, enfatiza.

Galeria de Imagens
Leia também em Campo e Negócios
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online