MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Segurança

Projeto de cercamento eletrônico ganha apoio da Segurança Pública

Em 22/06/2021 às 07:03h
Rochele Barbosa

por Rochele Barbosa

Projeto de cercamento eletrônico ganha apoio da Segurança Pública | Segurança | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Divulgação/Vereador Rodrigo Fialho

Nas últimas semanas, o vereador Rodrigo Fialho (PTB) esteve visitando todos os segmentos da segurança pública do município para apresentação do projeto de implementação do cercamento eletrônico em Bagé.  O objetivo das reuniões com os representantes é obter o apoio para a realização de um mapeamento dos locais prioritários para a instalação do videomonitoramento.

De acordo com dados da Polícia Civil, nove homicídios foram contabilizados, ao total, em 2020, e, até maio deste ano, oito pessoas foram assassinadas em Bagé. Essa crescente da violência na cidade, de acordo com o vereador, foi um dos motivos que incentivou a realização desse projeto. “A implantação do cercamento é fundamental para Bagé, independentemente do órgão de segurança, pois conseguirão desempenhar um trabalho com muito mais excelência a partir do apoio tecnológico que o serviço traz”, destacou.

Inicialmente, o vereador esteve em Capão da Canoa e Canoas, cidades referência em cercamento eletrônico, para entender o funcionamento desse serviço. “O cercamento é um modelo tecnológico que fez melhorar em mais de 70% a segurança das cidades que implantaram esse trabalho”, relatou o vereador. Ele ainda reitera a necessidade de a polícia local carecer de tecnologia. “Conhecendo mais as cidades que tiveram essa melhoria em sua segurança, decidi trazer esse serviço para Bagé, visando desenvolver a segurança do nosso município, pois precisamos desse aporte tecnológico”, salientou Fialho.

Dessa forma, dando continuidade ao planejamento, nos últimos dias, Fialho esteve reunido com o prefeito Divaldo Lara, o qual apoiou o projeto. Com a sinalização positiva do Governo Municipal, o vereador deu prosseguimento nas agendas para buscar apoio à proposta. Em um primeiro momento, esteve com o Comandante do 6º Regimento de Polícia Montada (RPMon), Tenente Coronel Kleiton Renan Sedrez, e, mais tarde, com o titular da Delegacia de Polícia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), Cristiano Ritta. Posteriormente, o vereador também conversou com o titular da Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e de Abigeato (Decrab), delegado André Mendes, para inteirar-se sobre a criminalidade na zona rural de Bagé. Depois, visitou o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para conversar com a chefe da unidade, Janize de Medeiros. Em seguida, Fialho reuniu-se com os delegados da Polícia Federal Cícero Aguiar e Leonardo Tortelli. Na Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana (SSM), reuniu-se com o secretário interino Alexandre Moreira. Nesta semana, o delegado Regional de Polícia Civil, Luís Eduardo Benites, também recepcionou o vereador. Em um segundo momento, Fialho esteve no 2º Pelotão Rodoviário da Brigada Militar de Bagé (BRBM) para conversar com a Comandante do Batalhão, Sargento Juliane Rodrigues. Na semana passada, o vereador esteve na Sede do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), onde conversou com a coordenadora, Anelise Nobre.

As visitas aos órgãos de segurança pública do município ainda estão sendo realizadas para entendimento do projeto. De acordo com o vereador, é fundamental recolher as demandas prioritárias de todos os segmentos para conclusão do planejamento estratégico do mapeamento da cidade. Nesta semana, alguns profissionais da área de videomonitoramento estarão realizando testes tecnológicos para avaliar se a cidade atende aos requisitos técnicos para a instalação do serviço.

Funcionamento

O videomonitoramento é realizado através de diversas câmeras distribuídas em diferentes pontos da cidade, principalmente nas entradas e saídas do município, funcionando durante 24h. O equipamento utilizado é de alta tecnologia, permitindo que a central de monitoramento tenha acesso a todas as imagens. A sede disponibilizará de inúmeros monitores para realizar o acompanhamento.

Todos os órgãos governamentais e de segurança pública poderão ter acesso às informações, facilitando a integração e garantindo melhorias na segurança pública. As Câmeras possuem um sistema que detecta veículos irregulares transitando nas vias, além de possuir reconhecimento facial, o qual identifica foragidos do sistema prisional e desaparecidos do banco de dados do governo, da Polícia Federal e da Interpol.

Outro avanço tecnológico que o projeto propõe é o aperfeiçoamento da comunicação de todos os agentes da segurança, os quais receberão um dispositivo móvel para controle do sistema de cercamento. Além das câmeras instaladas estrategicamente pela cidade, existe a possibilidade da colocação de uma câmera em cada viatura policial com monitoramento constante.

Além do desenvolvimento da segurança de Bagé, a instalação desse serviço trará controle de operações em geral, alarmes, cabeamento em fibra óptica e automação comercial e industrial. Um dos objetivos é transformar o município em uma cidade inteligente, sendo referência em tecnologia e pioneira no Cercamento Eletrônico na Região da Campanha.

Galeria de Imagens
Leia também em Segurança
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br