MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Editorial

Palavra da reitora

Em 30/12/2021 às 05:00h

por Redação JM

Escrever neste espaço representa algo como falar de dois anos. Sim, porque o esforço redobrado e o período de distanciamento social assumido com responsabilidade no combate à pandemia da Covid-19, recomenda que pensemos nos últimos dois anos como se fossem um só.

Avaliar este período com o objetivo de estabelecer nossos próximos passos e perspectivas se sustenta em dois aspectos. Gratidão e desafio.

No aspecto que tomo a liberdade de denominar gratidão, estão todos os esforços envidados pelos professores, estudantes, funcionários e gestores na manutenção das atividades acadêmicas, mesmo quando o mundo inteiro parecia paralisado de surpresa e medo. Viramos nossa chave com rapidez porque temos um quadro de pessoas que vinham em permanente preparação desde que implantamos nosso projeto de Graduação i e de incentivo às metodologias ativas. Mas sabemos que não é só qualidade técnica. É comprometimento pessoal da equipe.

Em dois dias, alteramos rotinas de trabalho, formatos de atuação em nossas aulas e setores de atendimento. E ficamos reconhecidos em toda a região como a Urcamp que não para. Ao mantermos nossas aulas virtuais sempre nos mesmos horários e com a mesma duração do presencial convencional, sempre atendemos ao cuidado daqueles que amamos e para quem trabalhamos. Enquanto o Hospital universitário se transformava em uma verdadeira trincheira regional na linha de frente contra o vírus desconhecido, ampliando leitos e atendimento, oferecendo testes e tratamentos, o Jornal Minuano e seus canais de comunicação auxiliavam em campanhas de esclarecimentos sobre a doença e possibilidades de vacinação. Assim, passamos pela pior fase da pandemia com qualidade de ensino e sem sobressaltos no campo da prevenção sanitária.

Por outro lado, se a qualidade e atenção aos protocolos nos fizeram referência da resistência contra a COVID-19, também é verdade que há ainda uma fase futura que deve ainda nos cobrar algumas respostas. Este é o momento que denomino desafio.

Dois anos de instabilidade quanto ao futuro e de dificuldades econômicas e sociais em todo o Brasil nos trazem um cenário de preocupações para o qual devemos voltar nossa atenção. Por isso, a Urcamp decidiu unir os avanços teóricos e práticos alcançados com a tecnologia e metodologias de aprendizado testados durante a pandemia para ampliar o acesso regional aos cursos de sua matriz de ensino superior.

Com a dinâmica inovadora e percepção atualizada sobre os conceitos de ensino virtualizado e a distância, foi pensada a Graduação i Flex, cujo desenvolvimento permite que candidatos inscritos nos campi em toda a região possam acessar a todos os cursos oferecidos pela Urcamp, mantendo aulas presenciais, virtuais e atividades práticas em sua própria cidade. Este modelo de interação permite convênios e atuação direta com empreendimentos ligados aos municípios de origem a partir da ação de professores, preceptores ou supervisores que vão inaugurar uma nova fase na relação do campus central com os municípios onde a Urcamp tem sede.

Os últimos editoriais publicados neste mesmo espaço têm trazido a necessidade de mudança e a consciência da transformação constante como mote para garantir a relevância de nossa atuação. Gravar na consciência coletiva a importância da formação superior é um desafio que torna-se mais difícil em períodos de desemprego e queda na renda da população. Contudo, é importante perceber o foco que sempre tivemos na empregabilidade de nossos acadêmicos, comprovado pelo elevado número de profissionais egressos da Urcamp no mercado de trabalho ao longo dos últimos 60 anos.

Então, como cada momento histórico exige respostas diferentes, convido a todos para vislumbrar comigo o fato de que os ciclos passam e que precisamos nos adaptar constantemente para enfrentar novos horizontes. Na educação é assim, a cada ano, nascemos outra vez.  

Quero desejar um Natal abençoado e fraterno a todos! Com os votos renovados de esperança e trabalho em harmonia para o novo ano que se aproxima!

Lia Maria Herzer Quintana
Presidente da Fundação Atilla Taborda e reitora da Urcamp

Leia também em Editorial
UMAS & OUTRAS Ontem
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 99971-9480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br