MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Cidade

Aranha e seus Incríveis Amigos iniciam campanha para adaptar quarto de criança com paralisia cerebral

Em 04/08/2022 às 14:01h
Melissa Louçan

por Melissa Louçan

Aranha e seus Incríveis Amigos iniciam campanha para adaptar quarto de criança com paralisia cerebral | Cidade | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Luiza está internada há duas semanas, com quadro de tuberculose e covid-19 Foto: Divulgação

Aos 4 anos, Luiza Ferreira Vogado é uma guerreira. Além de ter nascido com apenas 26 semanas, com paralisia cerebral, ela enfrenta agora uma nova batalha. Internada há duas semanas no Hospital Presidente Vargas, está em tratamento contra uma infecção respiratória agravada por quadro de tuberculose e Covid-19

A mãe da pequena, Maria Marciana Trindade Ferreira, 36 anos, conta que a filha realiza tratamento periódico em Porto Alegre com neuropediatra e oftalmologista. Na última viagem, a pequena começou a apresentar febre, cansaço, dor e dificuldade respiratória. Foi internada e descobriu-se, então, a infecção respiratória. Após algumas testagens extras, também foi diagnosticada a tuberculose, que estava agravando os sintomas da criança.

Prestes a ter alta para continuar o tratamento em casa, Luiza começou a apresentar novos sintomas. Ao ser testada, positivou para Covid-19, assim como a mãe, que ficou isolada junto com a criança.

Com o agravamento do quadro, a pequena voltou a apresentar problema de deglutição - algo que já estava sob aparente controle. Desta forma, agora só consegue se alimentar através de sonda.

Para atender as necessidades da pequena, Maria está em treinamento para manusear a sonda, aplicar medicação e alimento. A ideia é garantir o melhor atendimento para Luiza, quando retornar a Bagé, também com um quarto adaptado para o tratamento. “Os itens mais importantes são a cama hospitalar para melhor inclinação ao administrar os remédios e alimentação via sonda, e o oxigênio. Porém, o oxigênio ainda será feito um exame para ver qual quantidade e tempo que precisará”, comenta a mãe. Outros itens menores, como aspirador de secreção, equipamentos, frascos, seringas, flaconetes, entre outros.

O orçamento inicial projeta que a adaptação deve custar cerca de R$ 10 mil. Como a família tem baixa renda - Maria recebe o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e conta com auxílio de cerca de R$ 600 do companheiro para atender Luiza e os dois irmãos, de 7 e 8 anos -  o grupo de ação social Aranha e seus Incríveis Amigos está divulgando o PIX da mãe em uma campanha solidária para auxiliar na arrecadação.

A colaboração de qualquer valor pode ser feita através do PIX 53 991038384, em nome de Maria Marciana Trindade Ferreira.




 

Galeria de Imagens
Leia também em Cidade
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 99971-9480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br