ANO: 25 | Nº: 6379
10/06/2017 Cidade

Aumento do valor do gás deve ser repassado a partir de segunda-feira

Foto: Tiago Rolim de Moura

Revendas ainda não repuseram estoques
Revendas ainda não repuseram estoques

Formalizado pela Petrobras, na quarta-feira, o anúncio de aumento médio do preço do gás de cozinha em 6,7% ainda não foi repassado para os consumidores em Bagé.  A estimativa é de que o valor do botijão de até 13 quilos e de uso residencial (GLP-P13), tenha um acréscimo de R$ 4 por unidade.

Os revendedores e distribuidores de Bagé ainda não têm posição sobre o reajuste, que pode ser repassado a partir de segunda-feira tendo em vista que a medida depende da compra de novos estoques de botijão. .

De acordo com o proprietário de uma revenda da Liquigás, situada na avenida Angélica Jardim, Jerson Lopes, hoje, o valor do gás na empresa é de R$ 68 e na entrega chega a R$72. Ele pretende repor os estoques hoje, mas ainda não sabe o valor que será cobrado. “Nossa estimativa é de que o aumento seja, no máximo, R$ 4 por unidade”, disse.

 O mesmo acontece com a revenda Nacional Gás. Conforme o representante da distribuidora, Sílvio Renato Camargo Pereira, a empresa ainda não foi informada do novo valor e somente terá confirmação após a reposição de estoque.

A revenda Supergasbras também estima o aumento a partir de segunda-feira. Segundo uma funcionaria da empresa, Litieli Martins, os valores de R$ 67 e R$ 72 permanecem no final de semana.

Nova politica

O aumento no valor do gás  atende  a nova política de preços da Petrobras para a comercialização às distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo comercializado em botijões. O preço final às distribuidoras será formado pela média mensal das cotações do butano e do propano no mercado europeu ("Butane NWE CIF ARA" e "Propane NWE CIF ARA") convertida em reais pela média diária das cotações de venda do dólar, conforme divulgada pelo Banco Central, acrescida de uma margem de 5%.As correções de preços terão vigência a partir do dia 5 de cada mês.

O último reajuste no preço de GLP-P13 aplicado pela Petrobras ocorreu em 21 de março deste ano. A nova política não se aplica ao GLP destinado ao uso industrial/comercial.

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...