ANO: 25 | Nº: 6353
01/08/2017 Cidade

Fim do prazo para saques do FGTS movimenta agências da Caixa

Foto: Tiago Rolim de Moura

Quem ainda não havia recebido os valores das contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) teve que encarar filas, ontem, no último dia estipulado pelo governo federal para o saque. Os beneficiários que perderam o prazo só poderão usar os recursos nos casos previstos anteriormente, como a compra da casa própria, aposentadoria ou em caso de demissão sem justa causa. A exceção fica por conta dos contribuintes quem tiveram dificuldade para ir às agências da Caixa Econômica Federal.
No caso do funcionário público Erni de Picoli, 50 anos, sacar o valor foi uma decisão de última hora. Ele comenta que consultou o saldo de sua conta inativa e o valor era pequeno. Assim, resolveu não sacar. Há pouco tempo percebeu que estes eram os últimos dias para o saque e voltou atrás: encarou a fila na Caixa Econômica Federal para retirar o abono.
Ele conta que após esperar por um bom tempo na fila e sacar o dinheiro, pretende quitar algumas contas com o valor. “Primeiro pensei em não pegar porque era pouco dinheiro. Mas depois vi que iam encerrar o prazo e resolvi tirar, que aí consigo pagar algumas coisas para ficar mais folgado durante o mês”, comentou.
Quem não conseguiu comparecer ao banco durante o prazo e tem como provar que estava impossibilitado de se deslocar até a agência nesse período, poderá retirar o recurso até o dia 31 de dezembro de 2018. Estão previstos nestes casos pessoas que estiveram presas durante o período ou em situação de doença grave e impossibilitante.
Nessa etapa, o saque está liberado para todos os trabalhadores que têm direito ao benefício, não importa a data de nascimento. Pode fazer quem teve contrato de trabalho encerrado sem justa causa até 31 de dezembro de 2015.
A Caixa Econômica Federal criou, em seu site, uma página especial e um serviço telefônico para tratar das contas inativas. O banco orienta os trabalhadores a acessar o endereço ou ligar para 0800-726-2017, para que possam saber o valor, a data e o local mais convenientes para os saques. Os beneficiários também podem acessar o aplicativo FGTS para saber se têm saldo em contas inativas.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...