ANO: 26 | Nº: 6523
28/10/2017 Cidade

Cinco mil pessoas participaram da 12ª edição do Congrega Urcamp

Foto: Murilo Alves

Credenciamento contou com apoio de acadêmicos e funcionários
Credenciamento contou com apoio de acadêmicos e funcionários

Cinco dias dedicados à ciência, pesquisa e novas descobertas. A 12ª edição do Congrega Urcamp, que neste ano teve como tema “Ética e Inovação Social”, reuniu mais de cinco mil pessoas de diversos municípios em Bagé. Neste ano, o cronograma de atividades foi reforçado com a realização da quinta edição da Feira das Profissões. Os eventos foram encerrados no final da tarde de sexta-feira, no Campus Esportivo da universidade (Corujão).
Ao longo dos estandes, cada curso teve a oportunidade de apresentar, através de seus acadêmicos, os trabalhos desenvolvidos em aula, um pouco do mercado para os futuros universitários. Nas mostras, os estudantes demonstraram seu potencial através dos trabalhos apresentados, que renderam premiações inesquecíveis para os participantes e alguns dos momentos de maior emoção da semana. No palco principal, subiram especialistas e profissionais de renome, que dividiram seu tempo e conhecimento em palestras, painéis e debates com os participantes. Já os minicursos atenderam a todos os gostos, com atividades relativas a todas as áreas de conhecimento, desde técnicas de massagem à degustação de vinho.
A coordenadora do evento, Súsi Barcelos, destacou que, além dos cinco mil visitantes, o evento registrou um recorde de inscrições: foram mais de duas mil pessoas inscritas, com mais de 1,2 mil trabalhos submetidos. “Neste ano, o Congrega teve um gosto especial, por todas as atividades realizadas de forma primorosa e o esforço de todos, porque esse é o nosso diferencial, a vontade de fazer, realizar sonhos, nos desenvolvermos e, com isso, desenvolver também a comunidade”, disse.
Representando a reitora da Urcamp, Lia Quintana, a pró-reitora acadêmica da instituição, Virgínia Paiva Dreux, destacou que a semana das atividades foi cheia de emoções, em evento com personalidade que marcam o nome da universidade na região. “Foi um evento grandioso, que mostra a força da Urcamp na comunidade. Ainda vamos avaliar, mas acredito que a unificação do Congrega e da feira foi extremamente positiva”, afirmou.


Oportunidade de ensino
A responsabilidade social também esteve presente na programação, especialmente na premiação de três estudantes que se destacaram na Mostra de Iniciação Científica Júnior. O aluno do Ensino Médio da Escola Estadual Getúlio Dornelles de Vargas (Ciep), de Dom Pedrito, Pablo Ferreira da Silveira, recebeu o prêmio de uma bolsa integral na Urcamp, na terça-feira, 24. Os outros dois estudantes receberam bolsa de 50% para qualquer curso da universidade.


Números
A primeira Mostra de Trabalhos de Conclusão de Curso contou com 57 trabalhos inscritos; a Mostra de Iniciação Científica contou com 700 trabalhos em sua 14ª edição. Cerca de 50 estudantes participaram com exposição de trabalhos na 12ª Mostra de Iniciação Científica Júnior, além de quase 300 trabalhos apresentados na 14ª Jornada de Pós-Graduação e Pesquisa. O número de minicursos também foi recordista neste ano: 94 atividades foram realizadas, com a participação de mais de mil pessoas.


Em 2018

Durante ato realizado, na sexta-feira, também foi lançada a temática do Congrega Urcamp do próximo ano, que será "Educação e Desenvolvimento: a região em debate".

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...