ANO: 25 | Nº: 6282
19/01/2018 Cidade

Centro do Idoso registra mais de duas mil inscrições em três dias

Foto: Jaqueline Muza/ Especial JM

Ângela enfatiza que cursos são realizados por voluntários
Ângela enfatiza que cursos são realizados por voluntários

A Universidade Sênior, que funciona no Centro do Idoso, recebeu, nos três primeiros dias de matrículas, cerca de 2,2 mil inscrições. Alguns cursos como o de ginástica, pilates, Tai Chi Chuan, oficina de memória, alongamento e fisioterapia já tiveram as vagas preenchidas.
De acordo com a coordenadora do Centro do Idoso, Ângela Gervásio, são oferecidos mais de 60 cursos, alguns ministrados por voluntários e outros por funcionários da Secretaria Municipal de Assistência Social, Habitação e Direitos do Idoso (Smasi), Secretaria de Educação e Formação Profissional (Smed) e outras pastas da prefeitura.
Ângela ressalta que, além dos cursos ministrados no local, existem parcerias com instituições, como a Fundação José e Auta Gomes, Vila Vicentina, Hospital Universitário, que é mantido pela Fundação Attila Taborda (Fat/Urcamp), e os professores ministram as aulas diretamente nos locais.
A coordenadora lembra que inicialmente são cerca de 1,8 mil vagas, mas, de acordo com a adesão dos voluntários, o número de vagas pode aumentar. “Os alunos que já frequantavam têm vagas garantidas. Os excedentes ficam na fila de espera por novos cursos ou vagas”, disse.
Além dessas alternativas, as famílias terão a opção de utilizar o espaço da Casa do Idoso Vicente de Paulo. O local foi criado em 2009 e estava fechado há um ano para reformas. O local que funciona no Bairro das Laranjeiras é conhecido também por Casa Dia. Uma espécie de creche para idosos. O espaço disponibiliza vagas para idosos semidependentes com idades a partir de 60 anos.


Casa do Idoso

Criada em 2009, a estrutura vai reabrir as portas após um ano fechado para reformas. O prédio recebeu melhorias no piso, telhado, aberturas, placas de identificação e sistemas de segurança, fruto de doações da comunidade. As vagas são disponibilizadas a idosos semidependentes, com idades a partir de 60 anos.
Conforme Cristina Tarouco, uma das responsáveis pela inscrição dos idosos, serão disponibilizadas cerca de 15 vagas e uma equipe está realizando as visitas para os antigos frequentadores. “O local irá funcionar das 8h às 17h e as famílias devem buscar e levar os idosos”, disse.
Cristina informa que a Casa Dia vai oferecer oficinas de artesanato, dança, corte e costura, pintura e todas as atividades são desenvolvidas pela equipe do Centro do Idoso. Para se inscrever, o idoso ou responsável deve apresentar documentação do interessado, além de atestado médico e justificativa para o ingresso na instituição.
O local que ainda não retomou as atividades será mantido por meio de doações, pela Sociedade Espírita Vicente de Paulo, além do convênio com a prefeitura que vai fornecer equipe de atendimento assistente social, psicólogo, nutricionista, técnico em enfermagem, cuidadoras, cozinheira e copeira e auxiliar de serviços gerais. Além disso, o Executivo irá fornecer as refeições para os idosos.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...