ANO: 25 | Nº: 6313
23/04/2018 Fogo cruzado

Câmara avalia programa de apoio aos familiares de pessoas com Alzheimer

Foto: Divulgação

Proposição de autoria do líder do PDT será analisada pelas comissões técnicas
Proposição de autoria do líder do PDT será analisada pelas comissões técnicas

Proposto pelo líder do PDT no Legislativo bajeense, o projeto de lei que cria o Programa de Orientação, Apoio e Atendimento aos Familiares e Cuidadores dos Portadores da Doença de Alzheimer pode garantir atendimento médico e clínico, acompanhamento geriátrico, psiquiátrico e neurológico especializado e periódico junto às Unidades Básicas de Saúde (UBS) e na rede hospitalar que presta atendimento aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). A matéria será analisada pelas comissões técnicas da Câmara. Não existe previsão para votação em plenário.
A redação estabelece parâmetros para facilitar a obtenção de medicamentos considerados indispensáveis, gratuitamente, aos portadores, através da rede municipal de saúde, bem como o fornecimento de outros medicamentos receitados aos cuidadores. O programa também visa promover orientação, treinamento, apoio assistencial e conscientização referentes aos males causados pela doença, cuidados especiais no manuseio, capacidade de adaptação e segurança dos portadores.
O projeto prevê a implantação de um banco de dados para o cadastramento de todos os pacientes portadores de Alzheimer no município. O sistema vai permitir o controle, o acompanhamento e o levantamento estatístico da doença. A política de auxílio às famílias e cuidadores também visa identificar as necessidades individuais e propor um processo assistencial na realização de exames, tratamento fisioterápico, terapia ocupacional, fonoaudiologia, estimulação física e comportamental e nutricional.
Augusto Lara argumenta que o programa vai exercer um papel estratégico. "É importante, pois irá proporcionar orientação e cuidados especiais aos doentes na preservação da sua segurança, trazendo a realização de palestras, divulgação de material informativo a respeito do assunto e cursos de enfermagem e de primeiros socorros em casos de acidentes domésticos. Além de disponibilizar apoio humanitário, médico clínico, terapêutico e psicológico", destaca.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...