ANO: 25 | Nº: 6378
22/06/2018 Cidade

Funerária Padre Germano oferece serviço de cremação

Foto: Tiago Rolim de Moura

Urnas são disponibilizadas a quem optar pelo atendimento
Urnas são disponibilizadas a quem optar pelo atendimento

A técnica funerária que visa reduzir um corpo a cinzas através da cremação já é realidade em Bagé. A Funerária Padre Germano firmou parceria com o cemitério Angelus, de Pelotas, e realiza o serviço de translado e preparação e higienização especial para tal fim.

De acordo com o administrador da funerária, Everton Vidart, a técnica é uma das alternativas com menos riscos para o meio ambiente. Ele salienta que são realizadas, em média, duas cremações por mês e o valor do serviço é de R$ 5 mil. "Levamos o corpo até Pelotas trazemos as cinzas para a família", ressalta.

Segundo Vidart, antes da parceria com Pelotas, o serviço era realizado, porém o valor era muito mais alto. Isso pela distância, já que os corpos eram levados até Caxias. O administrador comenta que a média de funerais, realizados por mês, é 100 - no inverno, o número aumenta um pouco. " As pessoas ainda não criaram o hábito da cremação. Poucas pessoas utilizam a técnica", reconhece.

O administrador frisa que, em longo prazo, a cremação é mais econômica, visto que as cinzas podem ser lançadas em qualquer lugar ou até ficarem guardadas com a família em urnas especiais, que são disponibilizadas pela funerária. Ele informa ainda que o valor da técnica é independente do velório e da urna mortuária.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...