ANO: 25 | Nº: 6333
26/03/2019 Cidade

Hospital Universitário inaugura elevadores e bloco cirúrgico

Foto: Antônio Rocha

Evento foi prestigiado por autoridades políticas e do setor de saúde
Evento foi prestigiado por autoridades políticas e do setor de saúde
O Hospital Universitário da Urcamp Dr. Mário Araújo, mantido pela Fundação Attila Taborda (Fat), deu mais um passo rumo ao reconhecimento como um grande centro de referência em saúde na região na tarde de ontem. A instituição recebeu um grande número de convidados, entre eles a secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann, para a inauguração dos dois elevadores, além do bloco cirúrgico mais moderno da região. O evento também contou com a presença de prefeitos e representantes da saúde de municípios da região, representantes do Legislativo bajeense, o prefeito de Bagé, Divaldo Lara, o deputado estadual Luiz Fernando Mainardi e o deputado federal Afonso Hamm.

As duas obras foram realizadas com recursos oriundos da Consulta Popular, que acontece anualmente e destina valores do orçamento do governo do Estado para os projetos mais votados. A instalação dos dois elevadores foi possibilitada pelo recurso de R$ 218 mil, que garantiu a compra dos dois equipamentos. Já a instalação foi custeada pela própria instituição, que investiu mais de R$ 287 mil na obra.

Vice-presidente do Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede), Fábio Pintos destacou o "orgulho e a satisfação em ver as coisas acontecerem". O Conselho é o principal responsável pela coordenação e realização do processo da consulta em toda a região da Campanha. Além disso, destacou a importância do órgão no desenvolvimento regional com a destinação de recursos. "Nos últimos quatro anos, o Corede Campanha recebeu R$ 5 milhões da Consulta, sendo que R$ 536 mil foram destinados ao Hospital Universitário", ressaltou.

A secretária de Saúde do Rio Grande do Sul, Arita Bergmann, se mostrou satisfeita ao ver a transformação do Hospital Universitário e os serviços prestados por ele. "Ao ver o ambulatório fazendo aquilo que o Sistema Único de Saúde (SUS) tem como missão, que é o atendimento multifuncional integral aos usuários, podemos afirmar que a Urcamp é um exemplo de fazer o bem à população de Bagé", disse.

Já o secretário de Saúde, Mário Mena, relembrou o histórico do Hospital Universitário, a difícil decisão de suspensão das atividades do hospital e sua retomada. Ele apontou, ainda, a parceria exitosa entre a instituição de saúde e a prefeitura, que permitiu zerar as filas de espera de tomografias, mamografias e ecografias no município.

A parceria também foi mencionada pelo chefe do Executivo, Divaldo Lara, que relembrou que o início das atividades do tomógrafo e a compra de serviços, como mamografias, possibilitou salvar inúmeras vidas. "Não existe política pública mais justa que a da saúde, porque em determinado momento todos nós vamos precisar", disse.

O médico Henry Ritta, integrante da gestão administrativa da instituição de saúde, destacou a inauguração como o encerramento de um ciclo iniciado com as atividades do tomógrafo e, agora, com a inauguração do novo e moderno bloco cirúrgico e elevadores.

Além disso, destacou o papel fundamental da presidente da Fundação Attila Taborda (FAT) nesse novo momento do hospital. "Se o hospital está de pé, sem dúvida, é por sua causa que tem a sensibilidade e sabedoria quando precisamos", referiu-se.

Lia Quintana participou da atividade não apenas como presidente da Fundação mantenedora do hospital, mas, também, como reitora da instituição de Ensino Superior que utiliza o espaço como hospital-escola e presidente do Corede. Ela relembrou a retomada da confiança da população no processo de Consulta Popular, que possibilita destinar recursos para projetos prioritários de cada região. "O principal trabalho do Corede é trabalhar para devolver à comunidade a confiança que ela nos dá com a votação. Aqui não temos partido. Nossa bandeira é o desenvolvimento da região", encerrou.

Ano de conquistas para o HU
Durante a solenidade, os convidados também conheceram a nova repartição destinada à coleta de sangue realizada, uma vez por mês, pela equipe do Hemocentro de Pelotas (Hemopel). Agora reformada e climatizada, oferece um espaço mais confortável para a coleta.

Outra novidade foi anunciada durante a tarde: a secretária de Saúde, Arita Bergmann, adiantou que um novo contrato com a Urcamp prevê a implantação de um ambulatório de Saúde da Mulher junto ao Hospital Universitário. Atualmente, o projeto está sob análise na PGE. "Só não conseguimos viabilizá-lo hoje por questões de análise jurídica. Mas a Urcamp dará, também, este salto de qualidade", afirmou.

O deputado federal Afonso Hamm também foi portador de boas notícias para a instituição de saúde. Ele, que já contribuiu com emenda de R$ 300 mil, em 2017, para o hospital, e ter auxiliado na compra da usina de oxigênio da instituição, anunciou uma emenda impositiva no valor de R$ 300 mil para o Hospital Universitário investir na radiologia. A emenda indicada por ele entra no orçamento da União de 2019.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...