ANO: 25 | Nº: 6281
04/04/2019 Cidade

Estudantes da Urcamp iniciam projeto de estágio no Centro de Referência Camillo Gomes

Foto: Tiago Rolim de Moura

Abertura do projeto contou com representações da Urcamp e do governo municipal
Abertura do projeto contou com representações da Urcamp e do governo municipal
por Augustho Soares

Acadêmico de Jornalismo da Urcamp

Uma iniciativa que visa a capacitação de alunos da área da saúde, o Projeto Urcamp na Atenção Materno-Infantil teve início, ontem, no Centro de Referência Camillo Gomes. A ação, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e Atenção à Pessoa com Deficiência, oferece experiência de estágio para acadêmicos dos cursos de Enfermagem, Nutrição e Psicologia da Instituição de Ensino Superior.

As atividades foram iniciadas ontem, no período da manhã, quando o secretário de Saúde de Bagé, Mário Mena Kalil, e a coordenadora do posto Camillo Gomes, Marien Farinha, apresentaram a unidade às estudantes que participarão da iniciativa. Na ocasião, também estiveram presentes a coordenadora do projeto, professora Vera Bortolini, as coordenadoras dos cursos de Nutrição e Enfermagem da Urcamp, Mônica Palomino e Cármen Vaz, respectivamente, e a professora da graduação de Enfermagem, Suzana Curi.

Em seu pronunciamento, Kalil adiantou que, além da experiência de trabalho que o projeto dará aos alunos contemplados, também serão distribuídas aos estudantes bolsas semestrais com possibilidade de renovação. "Vai ser oferecida uma bolsa para cada área e este aluno contemplado, além do trabalho, também vai ter algumas obrigações, como, por exemplo, desenvolver toda a ação científica que vocês tiveram durante o semestre e nos apresentar estes dados para que nós possamos ver o que foi feito e o que nós podemos fazer para crescer", informou o secretário.

Vera destacou que a Atenção Materno-Infantil é uma área importante para os cursos inseridos no projeto e agradeceu pela oportunidade que está sendo oferecida aos alunos. "Esse espaço foi uma iniciativa excelente, porque além de trazer a prática profissional, também nos dá a possibilidade da escrita científica", ressaltou a coordenadora do projeto.

A acadêmica do 5º semestre do curso de Nutrição, Tainara Silveira, é uma das estudantes selecionadas para receber a bolsa. Para ela, a importância está em permitir que os estudantes compartilhem com a comunidade os conhecimentos que adquiriram no curso. "É uma oportunidade que vou ter para dar meu melhor para que a gente consiga atingir os melhores resultados", disse.

Já a estudante do 6º semestre do curso de Psicologia, Caroline Goulart, avalia que o trabalho vai agregar, principalmente, em seus conhecimentos quanto à Atenção Materno-Infantil, área que ainda não foi aprofundada em seus estudos na graduação. "O maior desafio vai ser conscientizar a comunidade quanto ao serviço, que não é uma psicologia clínica, mas é um trabalho social", comenta.

Reforço importante

Neste primeiro momento, foram selecionadas para o projeto 14 estudantes, sendo quatro do curso de Nutrição, quatro da Psicologia e seis da Enfermagem. Cada área de estudo terá uma sala informatizada para realizar seus trabalhos junto à equipe da Unidade de Saúde.
Durante o ato de abertura da iniciativa, a coordenadora do Camillo Gomes destacou a importância do reforço que a parceria dará à equipe do Centro de Referência Materno-Infantil e salientou que os trabalhos serão feitos com proximidade junto às coordenações dos cursos. "Vai ser uma parceria muito importante durante o ano, tanto para nós que estamos recebendo vocês da Urcamp, quanto para vocês (alunos), que vão poder contribuir com o conhecimento que têm agregado", declarou aos presentes.

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...