ANO: 26 | Nº: 6526
14/03/2020 Cidade

Projeto Trem do Pampa pretende tornar Bagé ponto turístico em rota ferroviária

Foto: Tiago Rolim de Moura

Linha férrea da Rainha da Fronteira será um dos pontos de parada da fase dois do projeto
Linha férrea da Rainha da Fronteira será um dos pontos de parada da fase dois do projeto
Uma nova alternativa turística para a região deve ser apresentada no próximo dia 24 para empresários e lideranças políticas. Trata-se da rota turística ferroviária do Projeto Trem do Pampa, ação da Prefeitura de Bagé, através da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), e Associação Pampa Gaúcho de Turismo (Apatur). O objetivo da articulação é inserir a Rainha da Fronteira no itinerário de parada do trem, buscando a interligação da Fronteira com a Serra Gaúcha.
A secretária de Cultura de Bagé, Anacarla Flores, destaca que o projeto-piloto já está em atividade em Sant'Ana do Livramento, passando por vinícolas e pontos turísticos de lá. A partir da próxima semana, o empresário Cléo Magalhães, coordenador do projeto em Livramento, deve apresentá-lo para os bajeenses. "O projeto é composto por fases e a ideia é vender para empresários ou conseguir subsídio através das leis de incentivo. O Cléo vai apresentar o Trem do Pampa para os empresários dos espaços onde o trem vai passar e parar para visitação. Esse projeto vem para fomentar, ainda mais, o desenvolvimento turístico de Bagé e região", adianta Anacarla.
Ao Jornal MINUANO, Magalhães explicou que deu início ao projeto em dezembro de 2010, através do Movimento de Preservação Ferroviária de Sant'Ana do Livramento, uma organização da sociedade civil de interesse público (Oscip) com a finalidade de zelar pelo patrimônio histórico e cultural. A partir disso, surgiu a ideia de desenvolver o turismo através das vias ferroviárias, contribuindo para a reforma e manutenção das estações existentes no perímetro do município e funcionamento de um trem de passeio turístico cultural.
Após idealizar e apresentar o projeto para o Ministério do Turismo e empresários com potencial de atração, fecharam parceria e deram início à recuperação e restauração da Estação Ferroviária de Santana do Livramento, reforço no trecho ferroviário de 156 km entre Cacequi até Santana do Livramento.
"Em janeiro de 2013, com a parceria de várias empresas, entregamos a Estação Ferroviária plenamente restaurada, dotada de um museu com a história das ferrovias do Rio Grande do Sul e cinema ALL ao Poder Público Municipal. Infelizmente, com as indefinições e agravamento da situação política e econômica, tivemos que 'desacelerar' as ações e fazer reajuste no projeto", relata.
O empresário explica as três fases do Trem do Pampa: a primeira vai de Livramento até Palomas, com trajeto de 27 KM; a segunda etapa é de Santa Maria a Bagé, com 323 KM. Já a fase três é internacional, com trajeto compreendendo Livramento, Rivera, Montevidéu, Buenos Aires e Mendoza (2396 KM).
Magalhães explica que está dando início à fase dois, que consiste num passeio com embarque em Santa Maria às 23h, às sextas, de maneira que residentes na região Metropolitana, Serra e Planalto possam participar, com previsão de chegada em Bagé às 8h.
Ao chegarem em Bagé, no sábado, os hóspedes e visitantes participarão das atividades proporcionadas pelo cluster turístico local: vinícolas, azeite, cavalo crioulo, ovelhas e demais atrações de Bagé, Candiota, Dom Pedrito, Pinheiro Machado e outros municípios que queiram se habilitar. O pernoite será realizado em pousadas e hotéis da região.
Já o regresso acontece no domingo, com parada no Museu da Força Expedicionária Brasileira (FEB), em São Gabriel, com almoço típico previsto em Cacequi, onde está localizada a ponte do rio Santa Maria, a maior ponte ferroviária da América do Sul. A chegada em Santa Maria será no final da tarde de domingo.
A composição contará com vagões convencionais com poltronas, sendo um dos vagões temáticos, com bancos de madeira e cabines coletiva e de casal (leito), com vagão de eventos e um vagão restaurante", conta.
"Sabemos que projetos como este demandam tempo e perseverança, mas segundo o que observamos em Sant'Ana do Livramento, houve um amadurecimento da importância das atividades turísticas para região surgindo entre outros o projeto Ferradura dos Vinhedos e, recentemente, o projeto Amsterland", destaca o empresário.

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...