MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Urcamp

Setores de fotografia e música ensaiam retomada de atividades

Em 29/11/2020 às 12:00h

por Redação JM

Setores de fotografia e música ensaiam retomada de atividades | Urcamp | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Foto: Divulgação

por Nathália Godoy

Acadêmica de Jornalismo da Urcamp

 

Com a flexibilização em relação às restrições da Covid-19, a retomada de eventos, mesmo com capacidade reduzida de público, vem voltando a ocorrer em Bagé. Alguns profissionais que atuam na área, como fotógrafos e músicos, relatam um pouco sobre como a pandemia os atingiu.

A fotógrafa Roberta Hecht relata que não só para ela, mas que para todos os profissionais em geral, diversas datas de eventos já quitados foram remarcadas para o próximo ano, dificultando assim a entrada de novas datas, trazendo alguns transtornos. Outro ponto frisado foi a rápida adaptação que tiveram que ter para atender eventos em casa, com tempo reduzido de fotos, menor quantidade de pessoas, remodelando os pacotes com condições mais acessíveis. “Antes da retomada gradual dos eventos, muitas pessoas optaram por trocar o evento por ensaios em estúdio e externas, possibilitando um equilíbrio maior, para não deixarem a data especial passar em branco, e foi uma das coisas que segurou bastante o movimento de entrada e saída de fotos”, destaca.

O fotógrafo Marcos Cruz afirma que, a partir do mês de outubro, retomaram os eventos, e que, aos poucos, as pessoas estão voltando a procurar para contratações. Segundo ele, houve uma queda de 30% no movimento de estúdio, tendo que reduzir os atendimentos do modo que fossem de hora em hora, para poder higienizar todo local antes da chegada dos próximos clientes, de acordo com os protocolos de segurança existentes nos decretos da cidade. “Com expectativa de vir uma vacina nos próximos meses, espero que haja uma retomada maior no fluxo de eventos e ensaios, tanto novos quanto remarcados deste ano, para seguir recuperando do impacto causado pela pandemia”, explica.

Já no cenário musical, a dupla Léo e Natanael, que começou a tocar junto no decorrer deste ano, sofreu bastante com o impacto da pandemia, com shows cancelados, casas noturnas fechadas e eventos adiados. Eles contam que um dos principais desafios durante este período foi se reinventar, se adaptar ao novo mercado, no qual shows grandes ainda não voltaram, porém os acústicos estão retornando aos poucos, com banda reduzida e público menor. “Nossa perspectiva e a nossa oração é que venham dias melhores, que passe tudo isso logo, que a gente venha a conseguir trabalhar com alegria sem medo, ter o carinho e afeto perto do nosso público que vai aos nossos shows, que volte tudo ao normal como antes”, ressaltam.

Também na área da música, o Dj Roger Maciel revelou que, para ele, o maior impacto da pandemia foi na parte financeira, pois foram, em média, seis meses e meio sem eventos de quaisquer tipos, o que logo fez com que precisasse buscar novas formas de sustento, como gravar pendrives para motoristas, rádios, fazendo assim uma renda extra. Muitos dos eventos já quitados foram remarcados para o próximo ano. O desafio da retomada está na possibilidade de pagamentos mais flexíveis, valores reajustados, tudo para que aos poucos as contratações possam ir voltando ao normal.

Galeria de Imagens
Leia também em Urcamp
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online