MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Cidade

Subseção da OAB alerta para golpes sobre pagamento de precatórios

Em 31/01/2021 às 00:00h

por Redação JM

Subseção da OAB alerta para golpes sobre pagamento de precatórios | Cidade | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Pessoas lesadas devem registrar ocorrência e procurar advogados / Foto: Divulgação

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) subseção de Bagé recebeu denúncias de que golpistas estão telefonando e enviando mensagens, via WhatsApp, para credores de precatórios na região da Campanha. Nas ligações, o golpista se apresenta como advogado da parte ou seu secretário, anuncia o pagamento e diz que para obter uma Declaração de Isenção de Imposto de Renda é necessário o pagamento de custas da suposta certidão, no valor que varia entre R$ 3 mil e R$ 4 mil. Para ludibriar a vítima, o criminoso até envia um alvará falso, atestando o pagamento.

De acordo com o presidente da OAB Bagé, Marcelo Marinho, várias pessoas já entraram em contato afirmando ter recebido as ligações. Ele esclarece que não existe cobrança de qualquer taxa pela Justiça para o pagamento de precatórios ou a obtenção de tal declaração. Além disso, sugere que as pessoas lesadas procurem seus os advogados e registrem um boletim de ocorrência na Delegacia de Policia de Pronto Atendimento. “Pedimos para que os advogados alertem seus clientes sobre a existência desse golpe, prestando-lhes as devidas orientações”, disse.

Marinho salienta que a OAB já solicitou, à Policia Civil, a investigação do caso. O advogado informa, ainda, que o valor depositado na conta dos golpistas é perdido. “Não tem como recuperar”, frisa. 

Galeria de Imagens
Leia também em Cidade
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online