MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Cidade

Prefeitos Divaldo e Melo entrarão com recurso contra decisão do Estado

Em 26/02/2021 às 16:22h

por Melissa Louçan

Prefeitos Divaldo e Melo entrarão com recurso contra decisão do Estado | Cidade | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Lara: "Não concordamos e vamos lutar contra esta arbitrariedade"Foto: Reprodução/Facebook

 

Em conversa na manhã de hoje (26), os prefeitos de Bagé, Divaldo Lara, e de Porto Alegre, Sebastião Melo, alinharam ações que garantam aos municípios recorrer do novo decreto do governo do Estado, que prevê protocolos de bandeira preta em todo o RS.

“Prefeito Melo e eu entraremos com recurso administrativo para reverter esta imposição. No nosso entendimento, o governador está cometendo uma grande injustiça com Bagé e com outros municípios, que estão com a pandemia sob controle, criando uma dificuldade econômica e uma possível convulsão social nos próximos dias. Muitos não terão como se sustentar. O Estado, que não aportou nenhum tipo de ajuda aos municípios, nenhuma linha de crédito, durante esta pandemia, estabelece agora um novo lockdown, o que é um absurdo. Não concordamos e vamos lutar contra esta arbitrariedade”, afirma o prefeito de Bagé.

Em entrevista coletiva, o prefeito de Porto Alegre também demonstrou indignação com as restrições que deverão ser impostas pelo Estado. “"Eu respeito a decisão do governador, mas não concordo. Nós vamos seguir trabalhando para abrir leitos e salvar vidas. Mas não podemos descuidar da falta de renda e emprego, que está sufocando Porto Alegre. Temos que preservar a atividade econômica, que dá dignidade e coloca comida na mesa de milhares de pessoas. A cidade sofreu demais com o abre e fecha durante todo o ano que passou. Por isso, eu discordo do governador que fechou a cidade”, acrescentou o prefeito de Porto Alegre.

Lara e Melo devem estudar também a possibilidade de ingressar com ação no judiciário para garantir o funcionamento das cidades. “Melo foi eleito durante a crise provocada pela pandemia e eu fui reeleito neste mesmo período, ou seja, recebemos o aval das nossas populações para gerir nossos municípios neste momento difícil, ao contrário do governador, que não passou por este crivo, já estava no cargo quando a pandemia começou. Não podemos aceitar perder nossa autonomia sobre nossas gestões”, concluiu o prefeito de Bagé.

Galeria de Imagens
Leia também em Cidade
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online