MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Social

Insight

“A intuição é um dom precioso, o qual muitas vezes negligenciamos” (Albert Einstein)

Em 27/04/2024 às 00:00h
Giana Cunha

por Giana Cunha

Insight tem origem no idioma inglês e significa compreensão súbita de alguma coisa ou determinada situação. Tem relação com a capacidade de discernimento. É como aquela “lampadinha” que aparece sobre a cabeça dos desenhos animados e histórias em quadrinhos, quando o personagem tem uma ideia brilhante. Uma luz. Mas pode ter outros significados: compreensão, conhecimento, intuição. Um esclarecimento em que se fez luz.

Esta palavra, que surgiu no inglês arcaico, é formada pelo prefixo in, que significa "em" ou "dentro" e a palavra sight que significa "vista". Assim, insight pode significar "vista de dentro" ou ver com os olhos da alma ou da mente. Que interessante no inglês ter uma palavra para definir essa percepção. No português, são várias.

A gente está sempre em busca de soluções repentinas para tudo, conceito que pode também definir o insight. Na Psicologia, da Gestalt tem ligação com a compreensão intuitiva. E é nesse ponto que quero chegar. De que forma podemos interpretar essa visão mental ou discernimento, quando sentimos algo, como enxergar essas verdades escondidas?

A intuição é um processo inconsciente que dá a sensação de resposta para alguma situação que a pessoa está passando. Está ligada às emoções e, portanto, menos racional. Ela está dentro da gente e, por isso, sua relação com a palavra insight.

O inconsciente nos dá sinais. Mesmo que a gente não saiba interpretá-los. Para alguns é bobagem, para outros conexão. E não há explicação para ela, sentir é um ato constante de aprendizado. A cada dia essas sensibilidades, para quem percebe, afloram. Mesmo às vezes não sendo bom sentir, sentimos e aprendemos a lidar com insights, intuições, pressentimentos. E não precisa acreditar só deixar estar.

Leia também em Social
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 9931-9914

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br